Advertisements
Anúncios

O nível da cartolagem corinthiana

Salvo raras e conhecidas exceções, o nível da cartolagem do Corinthians, e de alguns que almejam a honraria, é pior do que o encontrado nos piores botequins de São Paulo.

Tivemos acesso, ontem, a um vídeo que retrata bem esse quadro.

Vamos, antes, contextualizá-lo.

Existe um sujeito no Corinthians, apelidado ‘Lulinha’, que, nas últimas eleições alvinegras, vendeu-se para todos os lados.

Queria ser candidato a vice-presidente, não importasse de quem fosse, independentemente da moralidade.

Ofereceu-se à campanha de Roque Citadini, de Ezabella, de Paulo Garcia, insinuou-se, inacreditavelmente, a Andres Sanches, que o havia chutado, até ser aceito pelo último colocado, Romeu Tuma Junior, de fama conhecida até na China, formando com ele uma dupla pra lá de adequada.

Passado um ano do episódio, Lulinha decidiu gravar um vídeo, no sugestivo cenário de um boteco, bajulando, novamente, o empresário Paulo Garcia, a quem trata como ‘presidente’, e sabujando apoio a Jair Bolsonaro, chamado, apesar de tudo que já se sabia sobre ele, e o que tem sido revelado, de ‘mito’.

Se Tuma parece merecer a desmoralização, o torcedor do Corinthians, não.

Porém, todos estão nas mãos de quem vota no Parque São Jorge, não necessariamente corinthianos, capazes de manter um notório corrupto no poder por mais de uma década, e de tratar como se fosse ‘gente de bem’ pessoas com o perfil apresentado no vídeo, que pode ser conferido logo abaixo:

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: