Advertisements

O preconceituoso da Rádio Jovem Pan

Daniel Campelo

No último final de semana, em meio à transmissão do jogo entre Ceará e Avaí, o comentarista Daniel Campelo, da Rádio Jovem Pan de Fortaleza, ao ser questionado sobre a participação das mulheres na arbitragem, respondeu:

“Não acho uma boa… mulher tem que tomar conta da casa, do marido e dos filhos”

A declaração, por razões óbvias, gerou revolta em pessoas civilizadas.

Professor de arbitragem, Douglas D’Andréa, da DG Assessoria e Eventos, enviou reclamação à rádio Jovem Pan, exigindo retratação do comentarista.

Através do presidente Salmo Valentim, a ANAF também se posicionou:

Pressionada, a rádio Jovem Pan emitiu Nota Oficial dizendo que “lamenta e condena, veementemente, as declarações do comentarista”

Porém, ontem à noite, o pré-histórico voltou ao ar e, em vez de se retratar, passou diversos minutos deferindo novos ataques, ainda mais graves, repugnantes e preconceituosos às mulheres.

Resta saber agora, diante da reincidência, qual será o comportamento da emissora, também desrespeitada pelo radialista.

Advertisements

Facebook Comments

1 comentário em “O preconceituoso da Rádio Jovem Pan”

  1. Vergonhoso! Já não bastasse o que virou essa rádio na ceara politica, passando pano e encobertando aberrações do governo federal que é patético, em clara disfunção jornalistica, agora tb na esfera esportiva esse tipo de mentecapto.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: