Advertisements
Anúncios

Apoio de gerente do futebol feminino do Corinthians a Bolsonaro revolta departamento

Em mídia social, Camila Galimberti Gozzi, gerente do departamento de futebol feminino do Corinthians, explicitou apoio a Jair Bolsonaro, candidato a presidente do Brasil.

A atitude gerou enorme revolta entre jogadoras, conselheiras e associadas alvinegras.

Daniela Neri, filha do conselheiro José Antonio Avenia Neri, ligado a Andres Sanches, desabafou:

“Rejeitamos o Juninho por ter agredido a namorada e aceitamos uma gerente de futebol feminino que defende aquele que não respeita as mulheres ?”

“Cadê o #respeitaasminas”

José Neri e Daniela Neri

Iniciou-se, então, um bate-boca dela com pessoas da gestão, que queriam abafar o problema.

Soubemos, atletas do clube querem o afastamento da gerente.

A indicação de Camila teve aval do presidente Andres Sanches, de sua vice, Edna Murad e do diretor Marcio “Seboso” (ambos aparecem na foto abaixo), que, até o momento, não se manifestaram sobre o assunto.

 

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

3 comentários sobre “Apoio de gerente do futebol feminino do Corinthians a Bolsonaro revolta departamento

  1. cada um vota em quem quer em quem desejar democracia onde a história do clube tanto prega é isso

  2. FOGO AMIGO. POR POLITICA OS VENAIS APOIADORES DO ESPANHOL SE ESPANCAM NAS REDES. O QUE IMPORTA SERIA É SE A MOÇA É COMPETENTE OU NAO. NA PAGINA DELA ELA ESCREVE O QUE QUISER. OU NAO ???? ESPERO QUE JA NAO TENHAM FRITADO A MOÇA. PAULINHO, QUEM VOCE VAI VOTAR PRA PRESIDENTE ??? ESPERO QUE NAO SEJA NO POSTE DO BANDIDO

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: