Torcedor agredido por Rosinei após rebaixamento do Corinthians quer receber R$ 500 mil em indenizações

Resultado de imagem para rosinei do corinthians

No dia dois de setembro de 2008, o torcedor Pedro Henrique Rodrigues Neves dos Santos foi agredido por três indivíduos, entre os quais o então jogador do Corinthians Rosinei, de quem era vizinho de prédio.

O ato, covarde, gerou ação por Danos Morais e Materiais, que tramita desde 2010 na 5ª Vara Civil do Tatuapé.

Somente no último dia 16, decisão da juíza Márcia Cardoso deu seguimento à ação, que encontrava dificuldades em citar todos os réus.

A motivação da agressão, absolutamente infantil, é a de que o torcedor chamou Rosinei de “pipoqueiro”, por conta do rebaixamento do Timão, em 2007, para a segunda divisão do Brasileirão.

Pedro Henrique, que teve múltiplas lesões na face, na cabeça e nas mãos, quer receber R$ 500 mil entre indenizações morais e materiais.

Não é o primeiro problema jurídico de Rosinei ligado à sua passagem pelo Corinthians.

O jogador está sendo processado, também, pelo notório contraventor Jaça, diretor das categorias de base do Corinthians, ligado a Andres Sanches, que alega na Justiça ser seu “agente”, demonstrando bem como as coisas funcionam no Parque São Jorge.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.