Advertisements
Anúncios

Justiça decide que ação da Prefeitura para anular doação de terreno do estádio do Morumbi está prescrita

Sergio Orlando Santoro, presidente do MMT

Amparado por denúncia do MMT (Movimento Morumbi Total), dono de robusto material que comprovaria conluio entre a Prefeitura de São Paulo, nos anos 50, com a Imobiliária Aricanduva para dissimular doação do terreno em que hoje está construído o estádio do Morumbi, o Ministério Público fomentou o Município a pedir a anulação do feito e consequente retomada de posse do imóvel.

Em 28 de abril de 2016, o processo foi movido, na 13ª Vara de Fazenda Pública, nestes termos, contra o São Paulo Futebol Clube.

Na última quinta-feira (15), a juíza Maria Gabriella Pavlópoulos Spaolonzi entendeu que a ação estava prescrita, encerrando o caso sem resolução do mérito.

Agora, mesmo que, eventualmente, por linhas tortas, o São Paulo tem assegurada a posse definitiva do estádio do Morumbi.

Clique no link a seguir para baixar a íntegra da sentença:

Prefeitura vs. São Paulo (caso terreno Morumbi)

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: