Advertisements
Anúncios

Husni pediu renúncia de Andres Sanches no Corinthians, agora será vice em sua chapa

Tempos atrás, em meio à gestão Andres Sanches, entre diversos escândalos relacionados à transações de jogadores, o advogado Alexandre Husni posicionou-se duramente contra o dirigente:

“Se ele (Andres Sanches) fosse corinthiano mesmo, de verdade, ele renunciaria ou devolveria aos cofres do Corinthians aquilo que ele deu de prejuízo”

“Realmente causou muita estranheza esta transação… aliás este episódio, que envolve transações obscuras e mal explicadas referentes a venda do Jô para o Manchester e que redundaram, sei lá, em mais um prejuízo às já combalidas finanças do clube”

Husni falou também sobre a condução financeira da administração “Renovação e Transparência”, adjetivada como “subterrânea”, “encoberta” e “dissimulada”:

“Em reunião do CORI, em que o “Todo Poderoso” diretor financeiro, Sr. Raul (Corrêa da Silva) esquivava-se de apresentar os balanços analíticos, alias, pedidos por mim, sempre insistindo nesses balanços específicos…”

“Ele se esquivava, tanto é verdade que na penúltima reunião do CORI ele disse que não prestaria estas informações”

“Então passou-se (no Corinthians) a trabalhar as finanças de uma forma subterrânea, encoberta, dissimulada… o que, inevitavelmente, redundaria em mais um escândalo, que abate moralmente toda a nossa comunidade”

Semana passada, Alexandre Husni aceitou disputar as eleições do Corinthians na condição de vice-presidente de Andres Sanches, a quem imputou graves acusações, publicamente, e, para diversas testemunhas, tratava como “bandido”.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: