A despedida de Zé Roberto

Chega ao fim, logo mais às 20h, na Arena Palestra, em partida do Palmeiras contra o Botafogo, a carreira de Zé Roberto, 43 anos, como jogador de futebol.

Um fenômeno físico, de técnica apurada, que atuou em altíssimo nível por todas as equipes que passou.

Fosse, nos dias atuais, o garoto que, no auge da vitalidade, encantou a todos na Lusa- no tempo em que o clube ainda comportava-se como grande, certamente teria lugar na Seleção Brasileira, camisa que vestiu em 84 oportunidades, assinalando oito gols, chegando a ser vice-campeão mundial em 1998, tendo jogado, ainda, na Copa de 2006.

Pela vida do Zé passaram ainda, além da Portuguesa: Real Madrid, Flamengo, Bayern Leverkusen, Bayern de Munique, Santos, Hamburgo, Al Gharafa, Grêmio e Palmeiras.

Em todos, destacou-se como atleta diferenciado.

Por tudo isso, não apenas os palmeirenses, mas os demais amantes do futebol estarão ligados em sua despedida, agradecidos pelos ótimos momentos proporcionados ao longo de algumas décadas de ofício.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.