Nuzman e o dinheiro embaixo do colchão

Surpreendido pela Operação Lava-Jato, que levou-o, certamente a contragosto para depor na Polícia Federal, sob suspeita de ter recebido propinas diversas, entre as quais as que podem ter garantido a compra do Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas 2016, o ditador do COB, Carlos Nuzman, também surpreendeu aos policiais, que encontraram R$ 480 mil em espécie dentro de sua residência.

Em cinco moedas diferentes !

R$ 102 mil, US$ 35.472, 67.720 Euros, 1.315 Libras e 8.260 Francos Suiços.

O colchão de Nuzman, que não deve confiar em instituições bancárias, nem poderá mais viajar, assim como Ricardo Teixeira e Marco Polo Del Nero, por conta de apreensão de passaporte, deve ser King Size.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.