Advertisements
Anúncios

Citadini cobra diretoria do Corinthians sobre reunião para esclarecer problemas do estádio de Itaquera

Neste sábado, o conselheiro do Corinthians, Roque Citadini, através de seu facebook, teceu duras críticas à atual gestão alvinegra, que tem evitado se reunir com a auditoria responsável pela análise das contas e das obras do estádio de Itaquera.

Fala-se em R$ 250 milhões de discrepâncias do que era previsto no contrato original.

Citadini disse:

“Esta mais do que na hora do presidente Roberto de Andrade marcar com a Auditoria para receber o relatório realizado.”

“Há semanas a empresa de Auditoria vem tentando marcar um encontro para entregar o trabalho.”

“Se o clube não ficou satisfeito porque a Auditoria encontrou obras que não foram realizadas pela Construtora e se algumas deverão ser refeitas isto é problema a ser resolvido, no entanto é inaceitavel a demora para receber o serviço.”

“Quando ao pagamento da Auditoria dever-se-a respeitar o contrato.”

São responsáveis, do lado alvinegro, pela anuência aos procedimentos da Odebrecht, mal-avaliados não apenas pela referida auditoria, mas também na “Operação Lava-jato”, da Polícia Federal, os ex-presidentes Andres Sanches e Mario Gobbi, o atual, Roberto Andrade, o ex-vice de finanças Raul Corrêa da Silva (todos com assinaturas nos contratos), o ex-vice presidente Luis Paulo Rosenberg (interlocutor dos negócios relacionados ao estádio) e o atual vice, André Negão, acusado de intermediar vantagens a dirigentes.

Na última semana, Citadini reuniu-se, em almoço no restaurante Bovinus, em São Paulo, com três destes nomes (Sanches, Rosenberg e Negão), ocasião em que o assunto foi discutido.

Dias antes, conversou, em Shopping de São Paulo, com Paulo Garcia, dono da Kalunga, reconhecidamente influente na atual administração, tendo indicado, ao menos, três dirigentes: Emerson Piovesan (financeiro), Flavio Adauto (futebol) e Antonio Rachid (secretaria da presidência).

Citadini, na mesma postagem de facebook, em resposta a um associado alvinegro, finalizou:

“A posição do clube é lamentável. A empresa contratada quer entregar o relatório final e tenta marcar um encontro . E o clube não marcar”.

“Com o relatório conhecido poderemos caminhar para superar os problemas da construção do nosso estádio.”

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: