Anúncios

O doping e a Copa de 1998 ?

A denúncia veiculada na TV Alemã dando conta da utilização de esquema de doping no futebol mundial pegou se surpresa apenas aqueles que não convivem nos bastidores do principal esporte do planeta.

O silêncio dos últimos anos se dá porque, diferentemente doutras modalidades, em que a busca pelos que burlam a legislação para levar vantagens físicas indevidas é constante, no futebol, dirigentes, federações, médicos e até parte da imprensa batalham para escondê-los.

O ex-lateral da Seleção Brasileira, Roberto Carlos, foi citado na matéria.

É voz corrente nos bastidores que muitos atletas, principalmente os mais renomados (que podiam pagar o “tratamento”), por ele, e também por outros, supostamente, envolvidos, encontrariam meios de conseguir os medicamentos necessários para a transformação física.

Em recente e casual encontro com o blog, realizado no escritório de advocacia do Dr. Romeu Tuma Jr. (quando este ainda advogava para o site), conhecido médico de grande clube de São Paulo, sob condição de anonimato, questionado sobre que métodos eram utilizados para mascarar o doping, que, segundo fontes, seria constante na carreira de Ronaldo “Fenômeno” (inclusive drogas tratadas como recreativas), o profissional respondeu:

“Existe um método… mas não é só ele que usa… um composto que mascara o doping”.

Este procedimento seria, também, à época, responsável pela dificuldade, mesmo sob intenso treinamento físico, de que Ronaldo perdesse peso, dando sempre a impressão de obesidade, embora, segundo o doutor, “se tratava mais de inchaço do que propriamente de gordura”.

Apesar da matéria alemã tratar do ano de 2002, vale lembrar que, coincidentemente, Ronaldo dividiu quase toda a carreira (futebolística) com Roberto Carlos, e também os quartos de concentração, seja no Corinthians, no Real Madrid e na Seleção Brasileira, local este que, em 1998, antes da final da Copa do Mundo, após stress por tomar conhecimento de que namorada, supostamente, o traia com jornalista global, entrou em convulsão, culminando num caso dos mais nebulosos da mitologia do futebol.

Mas agora, diante das novas revelações, talvez exista margem para investigações que podem explicar detalhes ainda não tornados públicos do referido episódio.

OUTRO LADO

Em Nota, Roberto Carlos rebateu as acusações:

“Repudio veementemente as acusações irresponsáveis feitas pela rede alemã ARD, e reafirmo que nunca utilizei nenhum artifício que me fizesse levar vantagem sobre meus colegas. A reportagem cita o nome de um médico do qual nunca tive conhecimento em minha vida, e meus advogados já foram acionados para rebater na Justiça as alegações mentirosas sugeridas na matéria e pedir que que os mesmos provem, em frente a um juiz e publicamente, as acusações.

Ao mesmo tempo, a matéria afirma de modo extremamente vago que ‘fui visto’ no consultório desse profissional em julho de 2002, período no qual retornei ao país após o título Mundial com a Seleção Brasileira, fui para Brasília participar das solenidades de premiação e, logo depois, voltei para Madri, na Espanha, sem passagem alguma por Piracicaba. Além disso, a reportagem não reproduz nenhuma prova de meu suposto envolvimento no caso.

Em toda a minha carreira, sempre defendi o jogo limpo e, acima de tudo, leal. As acusações mentirosas proferidas contra mim são completamente contrárias a esse pensamento. Em mais de 20 anos de carreira nunca testei positivo para nenhuma substância que modificasse minha performance.

Atuei profissionalmente por nove equipes no Brasil, Itália, Espanha, Turquia, Rússia e Índia, e pela Seleção Brasileira. Disputei as mais diversas Ligas do planeta, inclusive Copas do Mundo, de tal forma que, qualquer utilização proibida teria sido prontamente detectada.

Sem mais,

Roberto Carlos”.

ATUALIZAÇÃO:

Do Blog do Juca: http://blogdojuca.uol.com.br/2017/06/nao-ha-ninguem-do-futebol-no-meu-relatorio-da-antidopagem-brasileira/

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: