Anúncios

Depois da merenda, Fernando Capez é acusado de desviar dinheiro de ONG, que seria “agrado” da Odebrecht

O deputado estadual Fernando Capez (PSDB), acusado de desviar dinheiro das merendas em São Paulo, foi delatado também na Operação Lava-Jato, pelo executivo Carlos Armando Paschoal, que o acusa de receber R$ 100 mil, em dinheiro, da Odebrecht.

A “doação” teria sido realizada, oficialmente, para a ONG “C Tem Que Saber C Tem que Curar”, que deveria cuidar de campanhas de combate à Hepatite C.

Capez, que é presidente da ONG, confirma o recebimento, mas diz se tratar de ação legal, diferentemente da versão do delator, que afirma ter liberado o pagamento por intermédio de Caixa 2 com objetivos eleitorais (financiamento de campanha).

Em se comprovando a operação (o caso será enviado para o STJ), o deputado, além de receber dinheiro indevido, teria cometido outro desvio, mais grave, que é o de retirar dinheiro de caixa utilizado para ações sociais em proveito próprio.

Seria capaz o Capez de indecência dessa magnitude ?

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: