Justiça nega liminar e Portuguesa torce para leilão fracassar

lusa

A Justiça acaba de negar liminar em Mandado de Segurança impetrado pela Portuguesa para impedir o leilão do estádio do Canindé, que será realizado amanhã, com lance inicial de R$ 74 milhões.

O valor, segundo a Portuguesa, está abaixo do mercado.

Laudo apresentado pelo clube diz que somente o terreno vale quase R$ 360 milhões.

Durante o dia, torcedores e dirigentes comemoraram a falta de interessados pela internet (não houve sequer uma inscrição) e torcem agora para que o fato se repita no pregão presencial.

Se não houver comprador a Lusa ganhará fôlego para prosseguir com as negociações com seus credores.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.