Conselheiro, acusado por corrupção na base do Corinthians, ironiza e ameaça vice-presidente do clube

Jorge Kalil e Mané da Carne (ou das cargas)
Jorge Kalil e Mané da Carne (ou das cargas)

Acusado de ser um dos corruptores das categorias de base do Corinthians, o conselheiro Manoel Ramos Evangelista, vulgo “Mané da Carne”, para alguns, “das Cargas”, mandou recado direto para o vice-presidente do clube, Jorge Kalil, um de seus acusadores.

Não teve a coragem de citar o nome, mas deixou bem claro ao tratar o alvo como “Dr. Médico”, ainda mais levando-se em consideração que o presidente (vendedor de carros) e o outro vice (ex-bicheiro) nunca estiveram perto de obter referido diploma (ou qualquer outro).

Mané, que processou Kalil por calúnia, injúria e difamação, é assessor parlamentar do deputado federal Andres Sanches (PT).

Seu texto, no facebook, contém ironias e ameaça (velada) ao dirigente alvinegro, em português, digamos, rústico, que tentaremos reproduzir abaixo, com algumas correções, para evitar que o leitor submeta-se a desaprendizado do idioma pátrio.

“Boa noite! Tem uns fulanos metidos a doutor! Desculpe a falsa modéstia: eu tenho cinco filhos e a todos ensinei a ser humildes. Um economista, dois dentistas, uma é médica outra publicidade e propaganda (publicitária)”

“Por que estou comentando isso ? Existe um tal de “Dr. Médico” e outros artistas que querem mandar no Corinthians. Ei, vocês não são ninguém !”

“Hoje está em algum cargo, mas já, já, não estará em mais nenhum…”

“Arrogantes… nos aguardem, porque aqui vocês não vão ter futuro!”

“Zero à esquerda!”

“O que mais fico indignado é que o cara pensa que é tudo isso! Não é não, seu incompetente!!!”

mane-da-carne-e-kalil

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.