Advertisements

Com 18 anos, jogador “gato” teria pagado propina para jogar no sub-14 do Corinthians

onofre, negão e donato

(publicado originalmente em 18 de dezembro de 2015, repercutido hoje, sem citar fonte, pelo UOL)

Após ser dispensado do Red Bull, por suspeitas de irregularidade na certidão de nascimento, o jogador Wesley Lopes, anteriormente conhecido como “Marconi”, com supostos dezoito anos, beneficiado por um RG “fabricado” no Rio de Janeiro, aportou no Corinthians e disputou o Campeonato Paulista Sub-14, com o nome de Alberto Gabriel Costa Santana.

Foram 13 partidas disputadas, em que assinalou 9 gols.

Com a nova documentação, o jogador assinou contrato com o Corinthians no dia 29 de junho, que deverá se encerrar (se não for renovado) em 31 de dezembro de 2015.

A denúncia, recebida pelo blog, dá conta, ainda, de que dois dirigentes da base alvinegra teriam recebido quantia em dinheiro para facilitar a operação: Fabio Barrozo (gerente) e José Onofre de Souza (Diretor Geral, indicado pela presidência).

Há informações, ainda, de mesma fonte, que existem dois outros casos semelhantes no Parque São Jorge.

alberto fpf

5

6

4

7

3

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: