Advertisements
Blog do Paulinho

Corinthians da show e goleia Once Caldas na Libertadores

image

O Corinthians, com muita garra e ótimo futebol, venceu o Once Caldas da Colômbia por quatro a zero, no Fielzão, mesmo jogando desde a primeira etapa com um jogador a menos.

Gols de Sheik – o melhor em campo, ao lado de Renato Augusto – Felipe, Elias e Fagner.

Esta praticamente classificado para a próxima fase da Libertadores, em que, pela primeira vez, terá o São Paulo pela frente no torneio.

Nem bem começou o jogo e, antes do primeiro minuto, Sheik tentou cruzar da esquerda, a bola pegou efeito e entrou no ângulo oposto do goleiro.

Um golaço!

Com o Corinthians jogando bem, Quadrado evitou o segundo gol, minutos depois, em batida rasteira de Renato Augusto.

Na seqüência, Cássio fez ótima defesa em batida de Penco, no primeiro lance de perigo dos colombianos, aos 15 minutos.

Dai por diante, a partida foi se equilibrando, com o Once Caldas levando algum perigo em falhas seqüenciais da defesa corinthiana.

Os colombianos chegaram até a comemorar um gol contra de Ralf, aos 19 minutos, mas a arbitragem havia marcado impedimento de um atacante que fechou na jogada com o corinthiano.

As coisas ficaram ainda mais difíceis quando Guerrero revidou uma agressão, aos 26 minutos, e foi expulso, enquanto o adversário recebeu apenas amarelo.

Sheik, que em desempenho extraordinário carregava o Corinthians nas costas, aos 45 minutos, antes da virada do primeiro tempo, acertou grande chute da intermediária, mas a bola pegou no travessão.

A segunda etapa começou com o Once Caldas todo no ataque, e, aos 6 minutos, Penco perdeu gol de cabeça na pequena área alvinegra.

Porém, aos 9 minutos, Jadson bateu escanteio na cabeça de Felipe, que não perdoou.

Dois a zero.

Após ampliar a vantagem, o Timão se fechou e passou a sair apenas na boa para o contragolpe, demonstrando maturidade e experiência para administrar o jogador a menos no gramado.

Para facilitar ainda mais a caminhada alvinegra, aos 23 minutos, Murilo foi expulso ao agredir Fagner, e, um minuto depois, Elias tabelou com Renato Augusto, marcando um golaço na saída do goleiro.

Três a zero.

Dez contra dez e o Corinthians, melhor, marcou o quarto, com Fagner, que concluiu bem após receber toque magistral de calcanhar de Renato Augusto.

Um show!

E pensar que Roberto “da nova” Andrade, quando diretor de futebol, exigiu a saída de Tite para colocar o Timão nas tristes mãos de Mano Menezes e seus irritantes empates.

Deu tempo ainda para Edu Dracena, aos 44 minutos, estrear no Timão, entrando na vaga de Felipe, que saiu sentindo cãibras, e de Fábio Santos, burramente, ser expulso ao cair na catimba colombiana.

Com a vitória por quatro gols, o Corinthians poderá até perder por três de diferença na altitude colombiana que estará classificado para a fase de grupos da Libertadores, em busca do bi-campeonato do torneio.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: