Enfim, será inaugurada a Arena do Palmeiras

arena palestra

O Palmeiras irá inaugurar, após meia década de atraso nas obras, um estádio belíssimo, certamente, junto com o Pacaembu, dos mais bem localizados de São Paulo, a Arena Palestra, antigo Parque Antárctica, que o mercado trata por nome de seguradora.

Concebido sob condições contratuais desfavoráveis e construído por um empreiteira das mais complicadas, ambos com a aprovação dos dirigentes palmeirenses, apesar do encanto, vai tirar, na questão financeira, mais do que dar ao clube nos próximos 30 anos.

Belluzo é o “pai do estádio”, mas também dos equívocos explícitos da negociação.

Tomara, ao menos esportivamente, o novo estádio seja a mola propulsora de novos tempos, que resgatem o orgulho de ser palestrino, moldado nos os esquadrões inesquecíveis que elevaram um então time de colônia ao patamar de Academia de Futebol.

Que, mesmo por vias tortas, a Arena se torne um sucesso.

Será bom para o Palmeiras e atenderá também o torcedor de futebol, tão necessitado de boas razões para voltar a vibrar como antes, quiça, estimulado, no novo estádio, pelo correto desejo da WTorre de lutar contra a divisão de torcedores, abominação pré-histórica, aceita há anos como solução, por governantes e dirigentes ligados às facções “organizadas”.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.