Advertisements
Anúncios

Vereador diz que “desenvolvimento” prometido em Itaquera pela aprovação do “Fielzão” é um “engodo”

No último dia 26 de setembro, reuniram-se vereadores que formam a Comissão de Administração Pública do Município de São Paulo.

São eles, Alfredinho (PT), Gilson Barreto (PSDB), Mario Covas Neto (PSDB) e Marquito (PTB).

Falava-se de diversos assuntos, quando, em seu discurso, o vereador Gilson Barreto tocou no assunto da Lei de Incentivo a Zona Leste, modificada, convenientemente, por Gilberto Kassab, no intuito de favorecer as obras do “Fielzão”, em que consta a liberação de R$ 420 milhões em CIDs, para o Corinthians, além de isenção em R$ 80 milhões de ISS.

E as críticas, além da constatação de que nada do que foi prometido tem sido cumprido, foram duras:

“Lembro também que quando aprovamos o incentivo para o estádio do Corinthians constava que em 90 dias o executivo deveria abrir inscrições para a região, divulgando a zona industrial, para que fossem feitas construções e houvesse o desenvolvimento da mão de obra local(…)”

“(…) o tempo está passando, os três meses se passaram e o Governo anterior terminou no fim do ano passado. Agora eu pergunto: do que nós precisamos ?”

“(…) a municipalidade está em débito com o desenvolvimento daquela região”

“Então (a Lei de Incentivo a Zona Leste) é paliativo. É um engodo (…)”

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: