Advertisements

A FERJ acerta ao acabar com torneios que não possuem mais a mesma importância

Raras são as vezes, por razões óbvias, que este espaço tem oportunidade de elogiar ações de Federações e Confederações esportivas do Brasil.

Em regra, seus dirigentes, quando não incompetentes, tendem a cometer atos que geram suspeitas com relação a honestidade.

Embora seja difícil, ainda, saber as motivações que levaram a FERJ decidir-se pela extinção das tradicionais “Taça Guanabara” e “taça Rio”, além de corajosa, por ser impopular, a decisão é absolutamente coerente e correta.

Há tempos estes torneios, que já foram importantes, servem apenas para iludir os torcedores dos grandes cariocas, com títulos que hoje pouco valem, e que, por vezes, servem apenas para ocultar, por algum tempo, trabalhos medíocres de dirigentes.

O turno único não é a melhor das alternativas, mas, ao menos, ameniza a perda de tempo evidente das agremiações com viagens e partidas que nada acrescentam, tecnicamente, na preparação para vôos maiores.

Advertisements

Facebook Comments

6 Responses to “A FERJ acerta ao acabar com torneios que não possuem mais a mesma importância”

  1. valmir Says:

    paulinho, com 16 clubes o torneio vai ficar pior,serão 15 rodadas para apontar os classificados,os times pequenos não terão chances, o modelo que era usado no carioca era muito bom, o correto seria diminuir o número de equipes e manter o formato.

  2. Fred - Corinthians Beija-Flor Girls Says:

    O campeonato carioca é o melhor do país e com o melhor formato

    Burrice ter terminado com com as 2 decisões…

    O certo era diminuir com o numero de equipes. Para no máximo, 12

    Mas, a dona do futebol nacional, a Globo, não deixaria….rs

  3. Sampaio de Sousa Vieira Says:

    Conseguiram cagar no torneio que tinha a formula mais inteligente!

  4. Perrone Says:

    não te mete com o futebol carioca, otário.

  5. FLAVIO MARQUES Says:

    Paulinho, vc não deve estar antenado … a mudança da FERJ é ridícula … sabe quantas datas sobraram depois da mudança? DUAS APENAS… kkkkkkkkkkkkk… grandeeeeeeee diferença hahahaa…
    e ainda por cima perderam o charme e a grana de ter clássicos decidindo por duas vezes na Taça Guanabara e na Copa Rio
    não vale as DUAS DATAS… nao mesmo rss

  6. FABRICIO SEP Says:

    Duas taças que não valem nada nas estantes de quem ganhou.
    Duas “finais” que fazer do time ganhador de nada
    Tres finais em um campeonato e tem retardado dizendo que quer continuar sendo enganado.
    #VAILÁTROUXA.

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: