Advertisements
Anúncios

Odebrecht tenta barrar ação do MP contra “Fielzão”, mas perde na Justiça

Se não for socorrido "Fielzão" se aproxima de vexame histórico

Assim que decidiu-se pela liberação desenfreada de verbas públicas da Prefeitura de São Paulo no intuito de facilitar as obras do Fielzão, o Ministério Público ingressou com ação de improbidade administrativa contra todos os envolvidos.

Corinthians, Prefeitura, Odebrecht, Gilberto Kassab (Prefeito à época), Arena Itaquera S/A, etc.

O objetivo é impedir a isenção de mais de R$ 80 milhões em ISS concedidos ao Corinthians, além do repasse de R$ 400 milhões em CIDs.

Temerosa de ter que devolver, no futuro, os valores que dava como certos, a Odebtrecht ingressou com recurso, sem a participação dos demais indiciados, visando reverter a aceitação da ação pelo Judiciario.

Perdeu.

Os desembargadores do TJ-SP mantiveram o processo, que deverá ser julgado, em breve, no mérito, com a alegação de que é de absoluto interesse público que o resultado final seja conhecido.

Ou seja, a construtora percebe que as chances de receber os valores investidos no “Fielzão”, mais de R$ 1 billhão, ficam, a cada dia, mais remotas.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: