Advertisements

Bahia e o simbolismo das taças no lixo

bahia trofeu

Na última semana, duas taças das maiores conquistas da história do Bahia, os brasileiros de 59 e 88, foram encontradas envoltas em sacos de lixo, na sede do clube.

Mil explicações foram dadas.

Nenhuma convincente.

Fica, porém, o simbolismo absoluto da falta de respeito com que um dos maiores clubes do Brasil foi tratado pelos “Guimarães”, que demonstraram ser muito mais do que simples ladrões.

Advertisements

Facebook Comments

3 Responses to “Bahia e o simbolismo das taças no lixo”

  1. Alessandro Says:

    a de 59 eu até entenderia, afinal é a tal taça brasil
    que alguns tentam vender a idéia que foi “campeonato brasileiro” rsrs…

    acho q santos, palmeiras, cruzeiro, fluminense e etc deveriam tomar vergonha na cara e seguir o exemplo do bahia e jogar as respectivas taças no lixo!!

    vamos parar com essa fantasia e viver a realidade, campeonato brasileiro é um só é de 1971 pra cá e ponto.
    se tem clubes e federações pagando pra jornalista e CBF (diga-se ricardo teixeira) pra “oficializar” algo que não foi só pra fazer charme e politicagem com certos clube pra ganhar votos em eleições, ou pq tem clube carente de titulos recente não deveria misturar alhos com bugalhos.

  2. Jones 8-1-1 Says:

    parabéns Alessandro, por ter sido tão bem educado pela Globo kkk

  3. Ramon Says:

    Essa quadrilha dos Guimarães quase acabou com meu Baêêa, mas graças ao Senhor do Bonfim estamos livres destes malditos parasitas .

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: