Advertisements

O vereador despachante, os bolivianos e as placas nas bicicletas

a amadeu

Publicamos ontem, o lamentável discurso do vereador Adilson Amadeu (PTB), recheado de preconceito e oportunismo, atacando boa parte dos imigrantes bolivianos no Brasil.

Descobrimos, porém, um dos fatores motivadores de sua ira.

Os bolivianos do bairro do Brás, em São Paulo, local em que possuem sua maior concentração, utilizam-se como meio de locomoção principal a bicicleta.

Recentemente, Amadeu formulou um Projeto de Lei, que, se aprovado,obrigaria todos os ciclistas a emplacarem suas “magrelas”, evidentemente gerando custo à população, mas grande lucro às empresas de despachantes.

Não por acaso o vereador é proprietário de uma das maiores empresas desse ramo no país, a SODESP, além de ser conhecido por hábitos, digamos, não convencionais,nos gabinetes do DETRAN.

Por razões óbvias, os bolivianos se posicionaram contrários à medida, recebendo, na sequencia, o contragolpe de Amadeu, que luta pelo fechamento de suas “feirinhas” na Rua Coimbra.

Advertisements

Facebook Comments

13 Responses to “O vereador despachante, os bolivianos e as placas nas bicicletas”

  1. Luli Says:

    Pura canalhice do edil, o que se tratando de político brasileiro é o padrão.

  2. Nuno Says:

    Esse político ainda está vivo? Petz… achei que já estava fazendo companhia ao Gushiken faz tempo…

  3. Paulo Silva Says:

    paulinho agora me responda uma coisa:Como que os Bolivianos(maioria clandestinos no Brasil)podem exigir algo?estranho esse seu post não?

    Paulinho: Através de associações legitimadas, que atuam e os atendem na região…

  4. Fred2 Says:

    placa em bicicleta é de cair o bico da teta.

    qual seria o próximo passo? placa em skate?

  5. Lampião - Odaliscas da Fiel, a torcida curicana! Says:

    Depois que o governo boliviano liberou os 12 BANDIDOS DE ORURO… boliviano não tem moral pra nada!

  6. MOSQUETEIRO II Says:

    Infelizmente existe os defensores da desordem, eu costumava ir passear na represa do Guarapiranga nos anos 60/70, aquilo era uma maravilha, vc adentrava naquelas estradinhas com a vegetaçao bem cuidada, tudo impecavel, esses politicos vagabundos incentivaram o povo a invadir terrenos e construir a troco de votos, e o governo por conveniencia fechou os olhos, vejam em que estado se encontra a represa hoje em dia, perderam o controle, voce pega aquela regiao de Interlagos, virou um favelao só.

  7. Benedito Duzi Says:

    Canalhice pura.
    Por isso, gosto do seu blog, pois vc fala a verdade nua e crua, esses dias acabei elogiando vc no blog do lastimável Cosme Rimoli que já foi um bom jornalista, mesmo estando em um veículo da Recopia, parece ter sido mordido pela mentira e enganação que rondam nossa imprensa principalmente nos rolos do itaquerão.

  8. Alberto Toldo Says:

    Odeio brasileiros, americanos, chineses, paraguaios, australianos, alemaes, mineiros, paulistas, visigodos,hondurenhos,corinthianos,palmeirenses, pontepretanos…homo sapiens em geral!!!
    Mas deixa os bolivianos em paz!!!
    Proponho que todos os leitores, mandem esse texto pro email desse vereador corrupto, para ele perceber que nunca mais irá se eleger!!!

  9. Fidel, o maior de todos Says:

    Bolivianos, se não estiverem satisfeitos com o Brasil, voltem para a Bolívia. Vejam se brasileiro tem voz nos EUA ou na Europa. Cada um tem que morar onde nasceu.

  10. Rodrigo Says:

    só faltou mencionar ele chamando o dono de uma construtora de querido, daquele video que te mandei o link

  11. Lua Verde Says:

    Tb acho, não está feliz que volte para o seu país !!! , aliás só vem aqueles que não tem um tostão furado no bolso.

  12. Indignado Says:

    Paulinho, mas tem uma coisa ainda mais absurda com relação a este Vereador. entre no site da Câmara dos Vereadores de São Paulo e prestações de contas. Veja quanto ele gasta com despesas de correios por ano e por mandato. Um verdadeiro absurdo. SÓ NESTE ANO, DE JANEIRO ATÉ JULHO, ELE GASTOU, SÓ COM CORREIOS, MAIS DE R$ 49.000,00 (QUARENTA E NOVE MIL REAIS). HOUVE MESES QUE GASTOU MAIS DE R$ 14.000,00 (QUATORZE MIL REAIS). Se levarmos em conta que uma carta simples custa em torno de R$ 2,00, ele teria que ter mandado mais de 24.500 cartas em apenas 7 meses para se chegar a este valor. A pergunta que não cala é a seguinte: Para quem são essas cartas e se essas despesas são mesmo com correios?

  13. comprar seguidores instagram Says:

    interessante adorei o post, parabéns, ótimo blog !

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: