Advertisements
Anúncios

Coirmãos corinthianos, concordo com vocês: “Menos Preconceito, mais Democracia.”

Por JOSE RENATO SATIRO SANTIAGO

Sou são paulino.

Sou um torcedor comum, não pertenço, e jamais fiz parte, a qualquer torcida organizada.

Frequento moderadamente os jogos da minha equipe.

Os torcedores da minha equipe costumeiramente são vinculados a questões homossexuais.

A origem destas associações não possui qualquer histórico homossexual de qualquer de seus fundadores, o que também não seria mal algum.

Enfim, não há qualquer fato que torne verossímil esta associação.

Cada estado brasileiro costuma ter uma torcida que é alvo de seus rivais de forma similar.

Todas as brincadeiras e deboches associados a minha equipe, por exemplo, são temas frequentes utilizados não apenas por torcedores rivais, e até mesmo alguns jornalistas.

Algumas delas, mais grosseiras, outras nem tanto.

O estádio do Morumbi passou a ser chamado de Panetone, por muitos torcedores rivais.

As insinuações com o personagem Bambi foram fortalecidas por um jogador rival.

E sempre são lembradas, repito, por torcedores rivais e jornalistas.

Jamais me senti ofendido com quaisquer destas brincadeiras.

No entanto, sempre achei indevido o seu uso.

Não por se tratar de uma ofensa, uma vez que, certamente, não é.

Mas justamente porque aqueles que o fazem julgam que isso é uma forma de ofender o torcedor rival.

E isto é um ato de homofobia.

Preconceituoso ao extremo.

Repito.

Quando alguém, seja quem for, utiliza expressões ou denotações homossexuais, como se fossem ofensas os torcedores rivais, está cometendo uma ação de homofobia.

Pois vamos ao significado da palavra homofobia.

Homofobia (homo, pseudoprefixo de homossexual, fobia do grego φόβος “medo”, “aversão irreprimível”; é uma série de atitudes e sentimentos negativos em relação a pessoas homossexuais, bissexuais e, em alguns casos, contra transgêneros e pessoas intersexuais. As definições para o termo referem-se variavelmente a antipatia, desprezo, preconceito, aversão e medo irracional

Ah, mas é apenas uma brincadeira…

Sim, um ato de homofobia, preconceito.

De forma similar aquelas utilizadas sob o ponto de vista racial.

Pois bem.

Gostaria de me solidarizar com todos os torcedores e jornalistas alvinegros que após verem a foto do jogador Emerson dar um selinho em outro rapaz, passaram a disseminar o entendimento.

“Menos Preconceito, mais Democracia.”

Realmente concordo com vocês.

Espero que todos passemos, a nos comportar conforme este entendimento.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: