Advertisements
Anúncios

Tuma Jr. culpa diretoria pela eliminação e diz que Corinthians foi vítima de latrocínio

Nas redes sociais, os principais dirigentes e conselheiros do Corinthians demonstraram indignação com a atuação desastrosa da arbitragem na eliminação do clube na Libertadores da América.

Um deles, Dr. Romeu Tuma Junior, fez questão de falar com o Blog do Paulinho.

E não poupou críticas, seja à arbitragem como também a diretoria do clube, a quem tratou como omissa.

Acusou ainda o ex-presidente Andres Sanches de transferir seus adversários políticos pessoais para o clube, ocasionando prejuízo nas competições:

“O Corinthians não foi assaltado. Foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte).”, disse ao relacionar os erros da arbitragem com a a eliminação da Libertadores.

“Boa parte da culpa deve ser creditada a diretoria que é nota zero em bastidores ! Aliás, o Andres nomina seus adversários e o clube vai pagando a fatura por conta da omissão do Presidente.”, continuou.

“Por falar nisso, devolveram a grana de quem comprou ingresso do jogo com portões fechados da 1ª fase ? Pior, por incompetência da diretoria, o clube aceitou ser triplamente punido. Ficou sem a renda, jogou de portão fechado e ainda teve que pagar multa de US$ 200 mil a CONMEBOL”, cobrou.

“É a crônica da morte anunciada desde o gol impedido do Tijuana, no México. Diretoria omissa é como latrocínio na periferia: fica por isso mesmo…”.

“Revoltante ! Nós torcedores não merecemos isso ! Não basta vergonha na cara só na arquibancada !”, finalizou.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: