Advertisements
Anúncios

Tuma Jr. culpa diretoria pela eliminação e diz que Corinthians foi vítima de latrocínio

Nas redes sociais, os principais dirigentes e conselheiros do Corinthians demonstraram indignação com a atuação desastrosa da arbitragem na eliminação do clube na Libertadores da América.

Um deles, Dr. Romeu Tuma Junior, fez questão de falar com o Blog do Paulinho.

E não poupou críticas, seja à arbitragem como também a diretoria do clube, a quem tratou como omissa.

Acusou ainda o ex-presidente Andres Sanches de transferir seus adversários políticos pessoais para o clube, ocasionando prejuízo nas competições:

“O Corinthians não foi assaltado. Foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte).”, disse ao relacionar os erros da arbitragem com a a eliminação da Libertadores.

“Boa parte da culpa deve ser creditada a diretoria que é nota zero em bastidores ! Aliás, o Andres nomina seus adversários e o clube vai pagando a fatura por conta da omissão do Presidente.”, continuou.

“Por falar nisso, devolveram a grana de quem comprou ingresso do jogo com portões fechados da 1ª fase ? Pior, por incompetência da diretoria, o clube aceitou ser triplamente punido. Ficou sem a renda, jogou de portão fechado e ainda teve que pagar multa de US$ 200 mil a CONMEBOL”, cobrou.

“É a crônica da morte anunciada desde o gol impedido do Tijuana, no México. Diretoria omissa é como latrocínio na periferia: fica por isso mesmo…”.

“Revoltante ! Nós torcedores não merecemos isso ! Não basta vergonha na cara só na arquibancada !”, finalizou.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: