Advertisements

Resumo da ópera no Bahia

As últimas duas goleadas, vergonhosas, sofridas pelo Bahia diante do Vitória são apenas consequências naturais dos roubos aos cofres do clube, cometidos por uma quadrilha que lá se instalou há alguns anos.

Gente investigada pelo poder público por diversos crimes, e que compram conselheiros do clube, dirigentes e até homens da imprensa como se estivessem fazendo a feira num mercado vagabundo qualquer.

Pagam pouco a abutres ralés, que devolvem muito, ao enganar incautos torcedores que ainda acreditam em duendes.

Ontem, um investigado pelo crime da MSI no Corinthians pediu demissão, como se vergonha na cara tivesse, quando, na verdade, seus bolsos já estavam devidamente abastecidos, após permitir que um “esquema” internacional de valorização de jogadores, a grande maioria do empresário Carlos Leite, prejudicasse o clube, mas deixasse alguns poucos muito felizes.

Grupo que também pegou dinheiro dos cofres do Vasco da Gama, com a anuência de Roberto Dinamite.

Quanto a Joel Santana, que culpa possui ?

Culpados são os que o contratam, sabedores de que nunca foi treinador, apenas um boa praça do qual, por vezes, alguns jogadores se apegam.

O torcedor do Bahia tem que deixar de ser trouxa, pressionar pacificamente por mudanças e exigir das autoridades que investigações sérias sejam feitas nesses delinquentes contumazes que se utilizam do esporte e da paixão de toda uma torcida para enriquecerem.

Advertisements

Facebook Comments

19 Responses to “Resumo da ópera no Bahia”

  1. Ricardum Says:

    Corinthians exportando bandidos pra outros estados

  2. FBispo / Bi-Campeão Brasileiro Says:

    Angione – 104 contratações em 3 anos. Ferguson – 105 em 27 anos. O presidente Marcelo Filho sempre se vangloriou da parceria com Carlos Leite e da amizade com Andrés Sanchez! Desisti. Não vou mais à Fonte Nova enquanto esse moleque que se diz presidente do Bahia não sair! #ForaMGF

  3. Jose virgiilio leal de figueiredo Says:

    Conheci o blog hoje vou acompanhar, esta quadrilha comandada pela família Guimarães e seus cúmplices se nao forem banidos vão destruir o maior patrimônio do Bahia a sua torcida. O ministerio publico tem que intervir.

  4. Adimilson Anderson Nunes Says:

    Segundo os últimos acontecimentos, Angioni já tinha rodado ontem. No período da tarde desta segunda-feira, Papai Joel Natalino Santana deve ser demitido.

    Ou seja, se antes era o São Paulo que derrubava técnicos do Corinthians quando venciam os alvinegros nos clássicos, agora acontece nos BAVIS. Na inauguração da Fonte Nova, o placar de 5×1 derrubou o Jorginho. Agora, este 7×3 deve derrubar se é que já não derrubou o Papai Joel.

    Enquanto a torcida do Bahia lambia as feridas no domingo a noite, o Souza, que um dia a própria torcida do Bahia chavama de Showza, postou no Instagram, uma foto em que ele estava num baile funk. Detalhe é que ele está em tratamento – parece ser uma contusão no joelho.

    As conseqüências desta goleada, vários tabus foram quebrados a favor do Vitória:
    http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/baiano/ultimas-noticias/2013/05/13/goleada-de-7-a-3-faz-vitoria-quebrar-uma-serie-de-tabus-diante-do-rival.htm

    A gente fala que a própria torcida tem que tomar as rédeas da situação, mas a torcida deles é uma das maiores massas de manobra deste país. Todos sabem que o Souza foi um retumbante fracasso no Vasco da Gama, Flamengo, Corinthians e Internacional – só se deu bem no Goiás, sabe-se lá como. E quando ele aterrou em Salvador, foi recebido com status de craque e salvador da Pátria.

    Dizem que há várias “panelas” no Bahia, mas a principal delas é comandada por essas sumidades:

    – Titi (uma mediocridade vinda do Vasco e que surgiu na base do Internacional, já se sabia pelas bandas pampeiras que ele seria uma merda)

    – Marcelo Lomba (hahahaha, parece não ser mal caráter mas é uma espécie de Maria vai com as outras)

    – Showza (já explicamos acima, rsrsrs)

    – Adriano Michael Jackson (palmeirenses o conhecem bem e eu como torcedor do Fluminense, também, é um zero a esquerda e um grande mentor da panelinha de jogadores no Fazendão)

    – Fahel (sem comentários, o cara quase arruinou o Botafogo)

    – Zé “Boteco” Roberto (ex-Botafogo, ex-Vasco e ex-Internacional, nem preciso me alongar neste cara, o apelido diz tudo)

    Aqui, as mediocridades que servem apenas para receber salário e esfolar os cofres do Bahia ou tomar lugar das revelações da base (se bem que com o Marcelinho vendendo todo mundo a preço de banana não vai sobrar qualquer garoto)

    – Danny Morais (neto de Valdir Joaquim de Morais, cria da base colorada mas ao fazer a transição para o profissional mostrou vários defeitos e hoje, consegue as coisas por causa do nome do avô – não faz parte das panelas, creio)

    – Paulo Rosales (aqui, a coisa é bizarra, o presidente pensou que estava contratando o Mauro Rosales, que jogou no River Plate e no futebol holandês e desde então, Rosales está a margem no Fazendão, caso explícito de lavagem de dinheiro)

    – Freddy “Adulto” Addu (todos sabem a história deste ser estadunidense, que um dia Pelé disse que era a maior promessa do futebol mundial – com um sapato na boca, o Rei é um poeta mesmo – e aportou em Salvador, numa pura jogada de marketing do Marcelinho – e prometeu jogar bonito pelo clube, no BR-2013, hehehe, imaginem)

    – Obina (hehehehe, vou falar o que aqui???rsrsrs)

    – Marquinhos (mais um jogador oriundo do Internacional, e na boa, já foi a época em que jogadores do sul do Brasil brilhavam intensamente no Bahia, como Roberto Gaúcho no Vitória e Luis Fernando Flores, no Bahia, coitado do Marquinhos, rsrsrs)

    – Jefferson (ex-Vasco da Gama, outra “sumidade”)

    – Toró (ex-cria do Fluzão, não vingou no futebol como nós achávamos, de passagem apenas regular no Flamengo e desde então, não se firmou mais, é mais um que come, bebe e dorme no Bahia)

    Esse é o Bahia, escapou do rebaixamento na temporada passada sabe-se lá como. Por exemplo, perdeu para um dos rebaixados no Pituaçu, o Palmeiras (gol do Betinho, meu Deus). Aí vocês sacam o naipe deste time para 2013.

    Há boatos de que o contrato com a Nike é prejudicial ao Bahia também. A empresa é a responsável pelo fornecimento dos materiais esportivos do Bahia.

  5. JC ANAGÉ-BAHIA Says:

    Parabéns Paulinho seu blog é o máximo denominador comum. investigativo,contundente e verdadeiro. a verdade nua e crua sem maquiagem,nós já não aguentamos mais jornalistas frôxos e corruptos voce tem coragem de mostrar os dois lados da moeda,tem coragem de peitar e desafiar essas quadrilhas esses grupos ecônomicos de criminosos que se arvoram dos clubes de futebol para cometer os piortes crimes, parabéns pela a materia falando sobre o meu sofrido esporte clube bahia. vida longa para voce e sua familia.

  6. Adimilson Anderson Nunes Says:

    Não devemos nos esquecer que quando o Bahia demitiu Vagner Benazzi, em abril de 2011, Papai Joel Natalino Santana, acho que naquele programa horrendo do Sportv, Bem Amigos, disse que o seu anzol estava no mar para pescar um peixe grandão e não uma sardinha, dado o suposto interesse do Bahia em seus serviços. Desde então, a torcida do Vitória rotulou o Bahia de “sardinhas”.

    Ele sabia que ao assumir desta vez, não teria qualquer apoio, como não teve mesmo. Ele tem sua parcela de culpa porque é um técnico pra lá de ultrapassado. Talvez tenha sido contratado para ser o intérprete de Freddy “Adulto”, graças ao seu rico inglês.

    Ontem pelo Premiere24h vi o jogo inteiro. O time do Bahia é um dos piores que eu já vi na vida. O Vitória se apertasse mais, teria feito um placar de handebol no BAVI.

    Dentre os feitos de Papai Joel, que gosta de povoar a linha média com volantes, a derrota por 2×0 para o Luverdense-MT, pela Copa do Brasil. Nesta quarta, o Bahia faz a partida de volta, precisa meter 3 gols de diferença no time mato-grossense para passar de fase.

    Especulam Renato Gaúcho e Cristóvão Borges para ocupar a vaga do Papai Joel. No caso do Renato, há tempos não faz trabalhos consistentes. E o Cristóvão, não precisa se queimar indo para o Bahia, espere um clube melhor, é o que eu acho.

  7. Bahia e Vasco vão fazer o que na série A? Says:

    De certa forma o autor do texto deixa uma idéia de que o Vasco segue o mesmo trilho do Bahia.
    Eu concordo e acho que o maior legado que Roberto Dinamite deixará ao Vasco é a volta de Eurico. Aí vai ser difícil torcer para o time. O negócio é não mais acompanhar nada até que alguém sério possa comandar o clube.
    O Vasco está acabando. O rumo está traçado para a segundona no ano que vem, assim como o Bahia.
    A verdade é que Bahia e Vasco ainda não acabaram pq ainda jogarão a série A em 2013. Vai ser um ano duro para as duas torcidas.

  8. MARCELO Says:

    Paulinho,
    Parabéns pelas suas palavras. Espero que não seja a única oportunidade em que você comente sobre a situação do Bahia. A torcida conta com o seu apoio!
    Abração e fique com Deus!

  9. Lampião Says:

    Curianaram o Bahia!!!

  10. Ricardo Lima Says:

    Paulo,
    Boa Tarde,
    Concordo Em Grau,Número,Gênero.
    Saudações Tricolores, Com Tudo E Sobre Tudo
    Forte Abraço.
    Ricardo Lima

  11. Kadu Says:

    Paulinho,
    Discordo em relação ao Joel Santana!
    Ele não é qualquer um não!
    Ele tem história e tem currículo!!!
    Se você falasse que ele não tem muita noção tática e que é um treinador TOTALMENTE ULTRAPASSADO eu concordaria totalmente com você, pois ele está totalmente ultrapassado.
    Ele é de uma geração que já se aposentou ou foi aposentada como Antônio Lopes, Jair Picerni, Jair Pereira, Nelsinho Rosa, Claudio Duarte, Givanildo, Leão entre outros…
    Mas daí a falar que nunca foi bom técnico?
    O cara foi campeão nos 4 grandes do Rio e tirando o Fluminense, foi ampeão mais de uma vez nos outros três…
    Ganhou Brasileiro e Mercosul com o Vasco…
    O Romário o considera o melhor que teve…
    Hoje em dia não dá mais pra ir no Vamos que dá e etc, mas ele tem uma história e um passado!

  12. Carlos Jorge Ramos Santos Says:

    Meus parabens Paulinho.Gostaria muito que os cronistas esportivos da minha terra falasse o que voce está falando com muita propriedade.Infelizmente falta coragem a essas pessoas.Muito obrigado por voce dizer essas verdades.Te admiro muito.

  13. Anderson Maia Says:

    Um forte abraço Paulinho e manda braza nessa quadrilha de sem vergonhas. Bora BBMP expulsar essas raposas do nosso time…!!!

  14. Adimilson Anderson Nunes Says:

    Será que o Marcelinho aguentará a pressão?
    http://atarde.uol.com.br/esportes/bahia/materias/1503371-pagina-oficial-do-bahia-e-hackeada-por-grupo-anonimo

  15. Jorge Machado Says:

    Parabéns pela excelente matéria a torcida do Bahia agredece, infelizmente a imprensa baiana está amordaçada, a torcida lhe agradece e muito.

  16. fabio castro Says:

    parabéns paulinho, obrigado pela força!

  17. André De Santana Says:

    CARTA ABERTA DE UM SIMPLES TORCEDOR DO ESPORTE CLUBE BAHIA

    A última goleada sofrida pelo Bahia foi muito mais do que uma derrota humilhante, retrata o coroamento negativo de um presidente com uma incompetência que vai muito além do imaginável. Afinal, hoje ninguém sabe mais qual o limite de vergonha que esta gestão pode oferecer ao torcedor no próximo clássico. Levar de nove ou dez, quem pode duvidar?
    Está muito claro que em 2012 o título baiano sem vencer nenhum clássico e a virtual quinta melhor campanha do segundo turno do Brasileirão foram simples obras do acaso, não de competência. Apesar do presidente do Bahia erroneamente citar estes fatos como prova de qualificação de seu time.
    Todos nós sabemos que há tempos o maior desejo da torcida do Bahia é a saída dos Guimarães do controle do clube, não por questões pessoais e sim pela comprovada incompetência. Pois os Guimarães tiveram as maiores oportunidades da história do clube para consolidá-lo no topo do futebol nacional e não tiveram êxito.
    Marcelo Guimarães, o pai, recebeu “dos céus” um grande aporte financeiro do Banco Oportunitty e não aproveitou, teve nas mãos o craque Daniel Alves e fez uma péssima negociação para o Sevilla. Terminou renunciando com o time praticamente rebaixado para a Série C.
    Nos passos do pai, Marcelinho Guimarães, o filho, recebeu também “dos céus” grandes montantes financeiros da Rede Globo, da OAS, do Consórcio Arena Fonte Nova e agora da Caixa Econômica. Teve ainda o talentoso Gabriel como revelação do Brasileirão, mas assim como o pai na transação de Daniel Alves, fez um péssimo negócio, dessa vez com o Flamengo.
    Como já sabemos que os Guimarães astutamente “blindaram” o Conselho Deliberativo para se perpetuarem no comando do clube, não mais havendo brecha jurídica que os retire, já que mesmo se Marcelinho Guimarães por acaso se afastasse, o clube seria presidido por uma espécie de “testa de ferro” dos Guimarães.
    Sendo assim, já que realmente o time mais popular do NO/NE do país foi tomado de “assalto” pelos Guimarães, segue abaixo um modelo do que seria um paliativo para que o torcedor sentisse menos vergonha do outrora “Gigante de Aço”:
    1. Dispensas
    1.1 – Jogadores: Marcelo Lomba, Neto, Pablo, Dani Moraes, Titi, Diego, Demerson, Magal, Toró, Jéferson, Hélder, Diones, Zé Roberto, Thuram, Souza e Potita.
    1.2 – Comissão Técnica: Joel Santana e Eduardo Barroca.
    1.3 – Diretor: Paulo Angioni.
    2. Sugestões
    2.1 – Levando-se em conta as dispensas acima, o Bahia ficaria com os seguintes jogadores:
    Goleiros: Omar/ D. Pires/ Renan
    Laterais pela Direita: Madson/ Raylan
    Zagueiros: Lucas Fonseca/ Donato/ Dudu / Maracás
    Laterais pela Esquerda: Raul/ Jussandro
    Volantes: Fahel/ Feijão/ Lenini/ Anderson
    Armadores: Talisca/ Fábio/ Rosales/ Marquinhos
    Atacantes: Adriano/ Rider/ Fernandão/ Obina
    Com este grupo, o Bahia teria dois jogadores de linha para cada posição. Mas considerando-se que o campeonato brasileiro é uma competição longa e de alto nível, o ideal seria ter três jogadores por posição, então segue abaixo por sugestão duas opções para cada posição, no intuito de dar um norte ao perdido presidente:
    Lateral pela Direita: Patric/ Fágner
    Zagueiros: Durval/ Anderson Polga/ Tiago Heleno/ Wallace
    Lateral pela Esquerda: Tiago Feltri/ Anderson Pico
    Volantes: Fabrício/ Guiñazu/ Marquinhos Paraná/ Somália
    Armadores: Jorge Vágner/ Cléber Santana/ Leandro Domingues/ Bernardo
    Atacantes: Danilinho/ Wallyson/ Rômulo/ Kieza
    2.2 – Comissão Técnica:
    Técnico: Nelsinho Baptista/ Celso Roth
    2.3 – Diretor:
    Futebol: Paulo Roberto Falcão/ Candinho

    Sendo o que se trata para o momento,
    André De Santana.
    Publicitário, 37 anos, torcedor do Bahia.

  18. Alemão Says:

    No tempo que morei e trabalhei em Salvador, torcia para o Vitoria. Era uma rivalidade acirrada, como Palmeiras e Corinthians, Grenal, Atle-tiba etantas outras nesse Barsil.
    Me divertia muito, já que por não nativo não era muito fanático. assim quando Vitoria ganhava, zoava muito, e se perdesse não ligava.
    Bons tempos. Hoje se tivesse morando em Salvador, me sentiria deprimido ao ver o maior rival nessa M.
    Isso não é bom para o futebol como um todo. É sinal que tem muita coisa errada e que necessita ser consertada urgentemente.
    E isso não acontece só com o Bahia. Santa Cruz é outro exemplo, tentando se reerguer. Em Sanat Catarina, Figuereiense e Avai estão fora da final do campeonato.
    O reflexo, se ve no nosso selecionado. Depois de 2002, só colecionamos vexames. Bons jogadores estão na Europa, Asia e até China.

  19. Daniel Says:

    Caro Paulinho, adimiro muito sua coragem de mostrar o lado podre do futebol,esporte no qualsou apaixonado. Estou sempre reproduzindo suas materias no Facebook pelo fato de querer que todos saibam das falcatruas do nosso esporte. Apesar de nao morar no Brasil ha alguns anos, leio todos os dias o blog. Sou pernambucano e torcedor do Clube Nautico Capibaribe e hoje estou te pedindo humildente para poder mostrar algo sobre a sujeira que ocorre por la ha anos. Sei que nao e facil mas voce com seu faro apurado pode conseguir as informacoes necessarias para desvendar a podridao que ocorre no futebol de Pernambuco. Um abraco e continue com a luta,pois a verdade sempre prevalece e o Brasil precisa de mais gente feito voce.

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: