Advertisements
Anúncios

Luis Álvaro vende alma para o Diabo (organizadas) por votos na Vila Belmiro

Gestão LAOR não declarou Imposto de Renda, apropriou-se indevidamente de INSS de funcionários e Santos tem contas bloqueadas

No dia das eleições que conduziram o presidente Luis Alvaro de Oliveira a seu primeiro mandato no Santos, criminosos “organizados” da Torcida Jovem invadiram o local de votação na intenção de roubar as urnas e impedir a derrota de seu até então mantenedor, Marcelo Teixeira.

Não fosse a rápida ação da polícia, que teve que se utilizar até de gás de pimenta, uma tragédia teria ocorrido no local.

LAOR, lembro-me bem, estava ao lado desse jornalista, e teve que correr para não ser espancado, alvo que era da ira do grupo que servia de exército para seu adversário.

“É o que dá ser promiscuo com as torcidas… na minha gestão tudo vai mudar.”, disse o já empossado presidente, ao blog, minutos depois.

Faltou com a verdade.

E, pior, fez tudo igual ao antecessor.

Não apenas bancou as regalias dos criminosos durante todos os anos de sua gestão, que, evidentemente, mudaram de lado, como agora reuniu-se com a cúpula dessa gente, por intermédio de seus dirigentes, para acertar “termos” de continuidade dos “benefícios”.

O motivo, óbvio, garantir que o “exercito” intimide apenas os adversários, além de angariar votos a seus pares dentro do clube.

Triste, enojante, mas típico da cultura do “toma-lá-dá-cá”, adotada como poucos por políticos e dirigentes esportivos desse país.

Até pelos “lobos” em pele de “cordeiro”, caso de LAOR.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: