Advertisements

Coluna do Fiori

FUTEBOL: POLÍTICA, ARBITRAGEM E VERDADE

Fiori é ex-árbitro da Federação Paulista de Futebol, investigador de Polícia e autor do Livro “A República do Apito” onde relata a verdade sobre os bastidores do futebol paulista e nacional.

http://www.navegareditora.com.brEmail:caminhodasideias@superig.com.br

apito

DENÚNCIAS ENVOLVENDO BEACH SOCCER e CBF

co1

As matérias publicadas pelo jornalista Paulo Cezar de Andrade Prado (blog do Paulinho) envolvendo Marcos Fabio Spironelli, ex-árbitro de futebol, não me surpreendem.

EXPLICO

a) José Astolphi, quando de sua última vez na presidência do SAFESP delegou excessivo poder para Marcos Fábio Spironelli;

b) Conforme informações, na maioria dos dias da semana, possivelmente, por ter disponibilidade de tempo, por volta das 15h00min, Spironelli comparecia e, iniciava suas atividades;

d) Acredito que objetivando acumular dados que fossem úteis no futuro, com o passar dos dias, Marcos Fábio Spironelli permanecia na sede da entidade, até altas horas;

e) Suas peripécias, salvo engano de data, foram interrompidas logo após a vitória do grupo encabeçado por Ulisses Tavares da Silva Filho, apoiado pela diretoria da FPF (Federação Paulista de Futebol) comandada pelo “impoluto” José Eduardo Farah;

f) Segundo prometido, na primeira reunião da diretoria, José Aparecido de Oliveira, diretor Tesoureiro, colocou em pauta a contratação de empresa especializada para checar à conjuntura administrativa e financeira da entidade;

g) No concluso; os responsáveis pela auditoria afirmaram que ocorreram diversas irregularidades, dentre estas, especificaram que encontraram:

h) Livros adulterados

i) Notas fiscais frias,

j) Maldosamente, foram aniquilados diversos dados que estavam inseridos no computador.

RESUMO

No relatório final os auditores comprovaram que ocorreu desvio de dinheiro, nomeando dentre outros, José Astolphi, Ancel Lancman e Marcos Fábio Spironelli.

A diretoria presidida por Ulisses Tavares da Silva Filho (que esteve envolvido em sindicância interna acusado de ser passivo num crime de corrupção cujo ativo foi o senhor Alberto Dualib, presidente do Sport Club Corinthians Paulista), reuniu-se com os envolvidos, desta reunião Ulisses e seus diretores aceitaram que os acusados devolvessem aos cofres da entidade o montante desviado.

NÃO CONCORDEI

Ao tomar conhecimento do acordo, entendendo que o caminho legal é o requerimento de queixa-crime ou de competente inquérito policial para apuração dos fatos e responsabilidade dos desonestos, expressei minha indignação.

Participei que a diretoria deveria ter convocado Assembléia Geral, onde constasse data, local e hora, além do assunto que seria tratado.

Adverti que a desonesta proposta de ressarcimento foi sugerida em razão do apurado pela auditoria, caso não o fosse, os autores permaneceriam caladinhos.

EM TEMPO

Participo que protocolei carta no SAFESP, confirmando meu descontentar pelo posicionamento da diretoria.

CAMPEONATO PAULISTA 2013 – Série A1

Durante o transcurso das partidas referente à 12ª Rodada, por mim assistidas, não ocorreram lances duvidosos.

13ª Rodada

Por ter tido compromissos, não avaliarei o comportamento dos árbitros que trabalharam nas partidas da 13ª rodada.

POLITICA

Verdades

co2

co3

Recomendação

co4

Finalizando

co5

Chega de Corruptos e Corruptores

Se liga São Paulo,

Acorda Brasil

SP- 23/03/2013

*Não serão liberados comentários na Coluna do Fiori devido a ataques gratuitos e pessoais de gente que se sente incomodada com as verdades colocadas pelo colunista, e sequer possuem coragem de se identificar, embora saibamos bem a quais grupos representam.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: