Advertisements

ACEESP voltou a ser a entidade da panelinha

???????????????????????????????

Durante muitos anos a ACEESP (Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de São Paulo) esteve sob comando de deploráveis, gente que trabalhava apenas para que “espertalhões” da imprensa obtivessem vantagens na profissão, sejam elas quais fossem.

Algumas “panelas” foram formadas, entre semelhantes, numa maneira de pressionar os dirigentes para que desejos fossem atendidos.

Com o tempo quase todos se mesclaram, praticamente retirando a voz de quem procurava se comportar de maneira séria e se posicionava contrariamente às vantagens e privilégios dessa gente, que pouco ou nada se importava com a essência real do jornalismo.

Falar a verdade, apurar informações, entre outras obviedades eram deixadas de lado se pudessem, de alguma maneira, comprometer o grupinho do poder.

O panorama foi alterado com a séria administração da dupla, Ricardo Capriotti e Luis Carlos Quartarollo, que atendiam a todos com isonomia e humildade, chegando até, em demonstração de coragem, a expulsar alguns “paneleiros” da entidade, após comprovação de desvios de conduta, denunciados por este espaço.

Lamentavelmente, o grupo que tomou o poder na sequencia, e permanece até os dias de hoje, voltou às praticas abomináveis do passado.

O presidente Luiz Ademar, comentarista da SPORTV, fraco, porém político tratou de se entrelaçar com os “paneleiros”, atendendo, com subserviência, suas reivindicações.

Entre elas o não credenciamento dos que foram responsáveis por escancarar ao público as verdades que precisavam ficar escondidas para a manutenção das mascaras de boa parte de jornalistas comprometidos com o que há de pior no esporte.

Em troca, Ademar garantiu uma governabilidade sem cobranças ou “problemas”, sendo até agraciado, de maneira constrangedora, com o premio de melhor blog de esportes da internet, em 2011, e a segunda colocação, em 2012.

Com o tal “Blog Caipira”, que, numa votação minimamente séria, sequer seria lembrado.

Uma pena que a grande maioria dos jornalistas de bem, temerosos com possíveis atitudes vingativas da ACEESP, entidade que mantém o monopólio dos credenciamentos no estado de São Paulo, e de alguns “sabujos” de boa entrada na mídia, tenham medo de falar a verdade sobre seus desmandos, que passam à margem do conhecimento público.

Enquanto bons profissionais, que não participam das panelas políticas, algumas absolutamente enlameadas, são prejudicados pela entidade, gente que nada tem a ver com o esporte, mas é bem relacionado com o “Poder”, ocupa o lugar de profissionais da imprensa, sem pagar ingressos, apenas para assistir partidas de futebol ou mesmo “tietar” seus personagens.

Muitos são os casos presenciados por este jornalista, como, por exemplo, a presença do apresentador Raul Gil, ou então do fofoqueiro Nelson Rubens, além de outros, que certamente nada tem a ver com a cobertura esportiva.

Hoje, a ACEESP, além de favorecer os já referidos, existe apenas para faturar em entregas de prêmios claramente sem credibilidade, e também na venda de credenciais, muitas delas, fornecidas ou negadas por critérios absolutamente políticos.

Confira abaixo alguns nomes selecionados por este espaço, de pessoas que fazem parte da atual gestão da ACEESP, e que, por si, explicam bem o funcionamento político da entidade.

LUIS ADEMAR – presidente

LEANDRO QUESADA – conselho fiscal

OCTAVIO MUNIZ – conselho fiscal

MARIO IORIO (conselheiro do Corinthians, irmão do ex-presidente da entidade, Flavio Adauto) – comissão de sindicância

EDUARDO AFFONSO (hoje na ESPN, trabalhava para o site “FUTEBOL INTERIOR”, denunciado por vender matérias) – comissão de sindicância e diretoria de patrimônio

MARCELLO LIMA – diretor social

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: