Ganso fica no São Paulo até 2014

O presidente Juvenal Juvêncio, que tanto tem errado ultimamente em sua gestão, tanto no golpe vergonhoso do estatuto que o manteve no poder, quanto na administração do futebol, que nada vence desde 2008, parece, enfim, ter recuperado a mão para negócios.

Contratou o ainda promissor Paulo Henrique Ganso sem colocar a mão no bolso, utilizando de recursos oriundos da transação de um jogador, Lucas, que é claramente inferior ao novo contratado.

Arrisco-me a dizer que, em pouco tempo, ninguém sequer notará a ausência do atacante.

Em contrapartida, se Ganso jogar metade do que jogou em seu período inicial no Peixe, entrará para a história do Tricolor.

Pena que, segundo informações de bastidores, o capítulo final já esteja traçado.

Ganso será negociado com o exterior, logo após o Mundial de 2014, acerto este que fez parte também das tratativas de negociação.

O contrato, com maior duração, serviu apenas para resguardar o clube, que certamente receberá muito mais do que investiu, se tudo o que se espera do desempenho do atleta for atingido.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.