Ex-jogador Axel é desrespeitado em “Navio do Tricolor”

O evento “Navio Tricolor”, que era para ser um daqueles cruzeiros em que torcedores se confraternizam e exaltam seus ídolos foi estragado pela presença de “organizados” com a camisa da facção criminosa “Independente”.

Numa das paradas, em Ilha Bela, ex-jogadores do clube fizeram uma partida entre “amigos do Careca” contra “amigos do Raí”.

Indiferentes ao clima festivo, os “organizados” passaram a vaiar e hostilizar o ex-jogador Axel.

Citavam um lance numa Copa do Brasil de 2000, que originou a falta que deu o título ao Cruzeiro, quase no final da partida.

Uma grande imbecilidade.

Bem fizeram alguns conselheiros do São Paulo que, em determinado momento, quando perceberam uma bandeira da facção criminosa pendurada no navio, obrigaram os inconvenientes a retirá-la

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.