Advertisements

Jogando pra galera

 

O Palmeiras tem um compromisso importantíssimo contra o Sport, no Recife, decidindo seu destino na Copa Libertadores da América.

Mas durante a semana armou-se um circo lamentável.

O promotor Paulo Castilho, responsável por coibir a violência no futebol, continua realizando ações pífias, de resultado nulo, mas de grande exposição na mídia.

Lembra muito um colega “Incapez”, de passado a ser esquecido no futebol.

O clube viajou para Recife levando dois “seguranças” inusitados.

Um juiz e um promotor farão parte da comitiva que estará na Ilha do Retiro.

Foi um pedido do promotor paulista, que entrou em contato com o Ministério Público pernambucano.

O resultado prático da ação inexiste.

Torcedores organizados não costumam perguntar para suas vítimas a profissão que possuem.

Além disso, expõe ao ridículo dois funcionários públicos que estarão se prestando a um ofício que não lhes compete.

Uma situação constrangedora, que certamente não resolverá o problema.

Mas que já proporcionou o resultado desejado pelo promotor.

Luzes, câmera e ação.

Facebook Comments
Advertisements

26 comentários sobre “Jogando pra galera

  1. euclydes zamperetti fiori

    Depuração total nos habitos e costumes dos agentes publicos , uma com maior urgencia é o proibir de darem entrevistas, principalmente para promotores, delegados, juizes, desembargadores .
    Devam de exercerem seus compromissos sem exposição na midia, esta, me faz crer q. o fazem para auferirem nome junto aos eleitores, publico e aos seus.
    Acorda, Brasil
    zamperetti fiori
    cidadão e,
    ex-árbitro de futebol

  2. Luiz

    Paulinho: Vc. está praticando um exercicio de desinformação. Quem acompanhará o onibus em Recife serão em Juiz e um Promotor de Pernambuco por solicitação do Promotor citado e quando o Sport vir a S. Paulo, equivalentes darão garantia igual. Ao contrário do que vc.
    pensa, me parece razoável esta proteção para evitar confrontos.

  3. Químico

    Simplesmente RÍDICULO , esse Juíz e o Promotor público NÃO deveriam aceitar tal pedido . NÃO FAZ PARTE DE SUAS ATRIBUIÇÕES !!!
    Daqui a pouco , então , vamos colocar SEGURANÇAS para julgar processos , jornalistas para fazer pizza , químicos para pilotar avião e assim por diante …. só no Brasil mesmo …

  4. Marcelo Pereira da Silva

    A mediocridade que envolve nosso futebol é de assustar. Não apenas dos que fazem parte diretamente do circo, mas também dos que rodeiam o esporte como rapinas esperando a hora certa pra atacar. O interesse em melhorar alguma coisa simplesmente não existe e parece que nada pode ser feito pra mudar o que acontece.

    No fim, os jogadores sem educação formal, malandros, festeiros e mulherengos, tão execrados pela mídia, são na verdade o que de mais nobre existe no esporte.

  5. jack ass

    Esse Promotor Castilho é mais do mesmo: não entende nada de futebol, não entende os problemas que assolam o futebol mas já tem as soluções prontas… é vaidoso como a imensa maioria da sua corporação e adora uma “boquinha” como aquele em que esteve na Espanha junto com o Cel. Marinho e outros luminares da FPF em outubro último… enfim, é tudo o que não precisamos.

  6. Carlos Augusto

    E depois eles alegam que não tem influência alguma no Ministério Público, e que o episódio do gás foi arquivado por falta de denúcia pública .
    Um dia qualquer essa máfia radicada no esporte terá um fim , a bem dos honestos.

  7. Edna Soares

    Bom Paulinho, dado o histórico recente pernambucano de quando um time do estado está perdendo entram em campo PM, gás e cães pra “prender” jogadores, acho muito justo. Quero ver aquela oficialzinha mequetrefe dar voz de prisão a um juiz!

  8. ademar joaquim

    Paulinho,

    é gente nas mordomia e, no futuro, pode livrar o verde, como poderia ser outro time, de problemas.

    Abraços.

    Feliz timão 2009

  9. Carlos

    Caramba, o pior de tudo, Paulinho, é que os salários de juíz e promotor são pagos pelo Estado. Ou seja, nós (eu, você, os torcedores de qualquer clube do Brasil) estamos pagando para que estes funcionários públicos exerçam o trabalho que lhes é incumbido todos os dias e não para ficar protegendo a comissão técnica e jogadores de um dos maiores clubes do país, que já tem (ou deveria ter…) uma equipe de seguranças contratados para fazer a segurança em Recife. Isso cheira à coisa do Sr. Luxemburgo, que pretende armar uma desculpa para o caso de perder o jogo para o valente Sport, que inclusive, tem grandes chances de golear o Palmeiras.

  10. Diego Tito

    Depende do foco que se quer colocar na questão…

    De fato, um juiz e um promotor não são seguranças, e muito menos capazes de coibir a violência de torcedores que não perguntam a sua profissão.

    Porém, em caso de haver confusão, brigas ou irregularidades, elas poderão ser denunciadas e não acabar em pizza, como comumente vemos acontecer.

    Acho que o intuito dessa ação não é proteger ninguém, mas sim ter alguém com autoridade suficiente para fazer alguma denúncia formal, ou dar voz de prisão em caso de necessidade.

  11. machado

    Não esta claro esses fatos.
    De qualquer forma, função de juiz é julgar. E de promotor, denunciar. Nada de passear.
    Não gosto disso. quem costuma agir dessa forma é o SPFW, o que aliás critico. E como sou coerente, NÃO É POR QUE È O MEU TIME, que vou deixar decriticar!
    Uma ds principais causas da violência é a impunidade, consequência da inépcia do nosso judiciário.

  12. MARCIO, o xará!

    A questão é que a imprensa esportiva paulista e carioca sempre desdenha dos clubes de outros estados, pelo rádio e pela televisão. Então os jogadores, que são ignorantes, e diretores de clubes paulistas, que são marginais, quando vão á recife acham que já ganharam e que os adversários devem se ajoelhar para eles. O resultado é sempre a violência, pois ninguem é capacho de vcs, arrogantes e prepotentes clubes grandes do Brasil!

  13. Edmilson Cardoso

    Que beleza….quase que não tem processo neste pais pro judiciario resolver, a justiça é rapida, ninguém fica anos esperando uma sentença

    Brasil il il il il il

  14. cláudio

    Quando as xxxxx tomaram uma piaba no Recife, o Madureira falou que os jogadores passaram mal , após comerem no hotel (insinuando algo).
    Quando o Soberano perdeu na Arena Ultragás, naquela várzea do gás no vestiário, ele disse que o próprio S.Paulo teria jogado o gás.
    quando ele perde é falcatrua do adversario, quando ganha tambem.
    vai catar coquinho, marketeiro !

  15. geraldo lina

    ESTOU ESPERANDO PRA COMECAR A FAZER A FESTA !

    PS. PAULO, QUANDO TERMINAR O JOGO, POR GENTILEZA, PUBLICA LOGO O POST, EU NAO VOU AGUENTAR ESPERAR …

    8)

    ***(*) ******(*)

  16. Jurista

    Está bem de relacionamento o Palmeiras , seus amigos pertencem a banda podre da justiça.
    E depois não querem que debochem dessa diretoria .

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: