Vicente Cândido (PT) e a “emenda Lula”

O Estadão de ontem revelou que o deputado Vicente Cândido (PT) incluiu, até então na surdina, alteração no art. 236 do Código Eleitoral, no âmbito da Comissão de Reforma Política, que em breve deverá ser votada, que prevê a impossibilidade de prisão de qualquer cidadão brasileiro, salvo em flagrante delito, 15 dias antes de qualquer eleição.

Na apelidada “emenda Lula”, o prazo subiria para indecentes oito meses.

Cândido, que foi delatado pela Odebrecht como um dos recebedores de propina na construção do estádio de Itaquera, ao lado de assemelhados como Andres Sanches (PT) e André Negão (PDT), por razões evidentes, também seria beneficiado.

Assim como seu sócio, Marco Polo Del Nero, presidente da CBF que sente calafrios ao sonhar com o FBI.

Sem vergonha de ser o que é, desde os tempos em que ajudou, sem sucesso, líderes da Máfia Russa, ligados ao negócio MSI-Corinthians, que almejavam estabelecer-se por aqui, o petista declarou:

“Lula também (seria beneficiado), como qualquer outro. É nossa arma contra esse período de judicialização da política.”

“Estou pensando nesse momento conjuntural do Brasil, criando um contrapeso. É uma blindagem da política. Nós precisamos fazer alguma coisa”

Mais do que Vicente Cândido, figura de hábitos conhecidos, talvez mereça mais a prisão quem nele deposita votos em qualquer tipo de eleição.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta para Vicente Cândido (PT) e a “emenda Lula”

  1. Esse Congresso mafioso vota tudo, lá passa tudo, É só um deles dar uma ideia idiota. Eles não têm filtro. Com o STF leniente e também recheado de brigas políticas, que não julga ninguém e ainda engaveta os processos, ninguém segura os ditadores. Sim, se vocês não se deram conta, estamos numa ditadura, que começou sem um só tiro e muito menos feridos e mortos.E ainda vão enganar com a tal eleição no ano que vem. Só pra inglês ver. Vai ficar tudo na mesma. Tira um safado e coloca outro. E na maioria dos casos não sai ninguém, a maior parte vai ser reeleita. Deus nos salve.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.