Advertisements

Coluna do Fiori

fiori_g.jpg

FUTEBOL: POLÍTICA, ARBITRAGEM E VERDADE

Fiori é ex-árbitro da Federação Paulista de Futebol, investigador de Polícia e autor do Livro “A República do Apito” onde relata a verdade sobre os bastidores do futebol paulista e nacional.

http://www.navegareditora.com.br   Email: caminhodasideias@superig.com.br

 

 

BRASILEIRO

SÉRIE B

Santo André e Corinthians realizaram disputa normal na parte disciplinar, com atletas se respeitando e com poucas jogadas próximas a violência.

O arbitro Guilherme Cereta de Lima (SP) teve péssima atuação, posso lhes afiançar que vendo pela TV e ao primeiro momento, observei três lances claríssimos de pênalti na visão do arbitro e o mesmo nada marcou.

Alguma das faltas marcadas o arbitro poderia ter dado vantagem, alem de não violentas, favoreceram ao infrator, a advertência com o cartão amarelo pode ser efetuada em outro momento, não gostei da atitude do arbitro quando corretamente mostrou cartão amarelo para um dos defensores do Santo André, seu erro, com o atleta caminhando e dando-lhe a costa, peregrinou em sua direção para cumprir o determinado pela regra, deveria sair para um chamado espaço neutro e chamar o atleta, caso não atendido, expulsão por insuflar a indisciplina e o desrespeito para com o representante das leis do jogo.

Assim sendo, não concordo com aqueles que dizem que com o decorrer das partidas alguns árbitros adquirirão experiência, apesar de saber serem disputas diferentes, imagino que todos os militantes da arbitragem semiprofissional passam por vários destes eventos, cada um com suas características, mais todos tem o fanatismo de seus adeptos e vários componentes que os envolvem, é com este cabedal, que os árbitros deveriam ser alçados a degraus maiores na arbitragem.

PREMIAÇÃO DA CONAF

Luiz Flavio de Oliveira (SP) após ter participado como 4º árbitro na partida entre Palmeiras x Náutico, tendo tido, em meu ângulo de visão, comportamento essencialmente político e repugnante, respondendo negativamente quando perguntado pelo arbitro Djalma Beltrami (RJ) se houvera visto o defensor do Náutico Alceu, dar explicita cabeçada no palmeirense Élder Granja fora do lance de bola, ao centro do campo, de frente e próximo da lateral de deu trabalho, foi premiado pela impoluta CONAF, presidida pelo não menos político Sérgio Correia da Silva, arbitrando a partida entre Corinthians vs São Caetano pela serie B do Brasileiro, numa inconteste prova do dar e receber, outras escalas serão oferecidas a Luiz Flavio de Oliveira e aos que colaborarem com o bom andamento do certame.

As regras e a verdade, ora! Que vão as favas.

SORTEIO DO ARBITRO

O famigerado sorteio imposto pelos “dignos” congressistas que não o regulamentaram, tornou-se uma autentica farra dos bois, tanto na CONAF quanto nos setores competentes das federações estaduais. Em minha opinião o globo onde giram as bolinhas, estas, e todos os componentes que o envolvam, devam de sofrer perícia para nos dar algo próximo da credibilidade.

A obrigatoriedade do sorteamento se encontra no Estatuto do Torcedor, por tudo que ocorreu no passado, com a manipulação deste processo, estou convicto da necessidade de fiscalização por parte dos órgãos competentes, sem aceite do chamado jeitinho brasileiro de ser: Fazer vistas grossas e auferir regalias.

Por ser contra o sistema de sorteios, estou certo que o melhor tem de arbitrar, melhor, não o mais político ou adulador contumaz que troca favores com dirigente ou interessados.

LEMBRANÇA

Tanto na política como no futebol, ouço a palavra idealismo dita pela grande maioria dos militantes destas áreas que muitos dizem serem distintas, mais se ungem pelos interesses e pelo envolvimento de nossa população.

Sintetizando, apreendi e entendo que Idealismo é doutrina dos que consideram a idéia como o principio do conhecimento, ou do conhecimento e do ser; idealidade; tendência para o ideal; devaneio.

Vários políticos e pessoas de outras áreas recebem polpuda mensalidade, por terem lutado contra o regime militarista que perdurou por anos em nosso país, ao que pergunto:

O idealismo tem preço?

Dentre os beneficiados encontra-se Lula, que nunca levou um espirro e que tinha ótima convivência com os chamados carcereiros de sua liberdade. Enquanto isto, soldados que foram à guerra, bem como todos os que lutaram na revolução constitucionalista de 1.932, recebem merrecas.

Se formos para o lado dos clubes, federações ou confederações, veremos dirigentes que se diziam e se dizem idealistas, porem, com a maior cara de pau auferem vantagens direta ou indiretamente, muitos destes nada tinham, no hoje, ostentam patrimônio invejável, se isto for idealismo, quero estar longe deste comportar, caso contrario com minha idade serei contaminado, rsrsrsrsrs, comigo não, morro, mais morro com meus ideais, tenham certeza que sou vacinado contra pessoas que usam de subterfúgios diversos para atingirem seus propósitos.

JUSTIÇA

Com relação aos fatos inseridos nas paginas de nossos periódicos sobre o caso envolvendo Daniel Dantas e outros, tendo o presidente do STJ Gilmar Mendes, tomado decisão com a rapidez de um meteorito, entendo que decisão judicial se cumpre imediatamente, porem, como a lei é interpretativa varias destas decisões me dão a entender que são aplicadas da seguinte maneira:

Para os amigos, atendendo pedidos ou visando interesses, todas as virgulas que as mesmas proporcionam, para os demais os pontos.

Em relação à posição do presidente do STF, Dalmo Dalari, conceituado jurista, afirmou que estranhou a rapidez desta decisão, assegurando que o ministro Gilmar Mendes do STF, criou uma cortina de fumaça para esconder suas verdadeiras intenções no caso.

Seguindo com sua analise, Dalmo Dalari, tem certeza da correção da medida tomada pelo juiz Fausto De Sanctis, da vara federal de São Paulo.

Dito isto, acredito que este prende e solta, incentiva à ilegalidade em todas as áreas, uma vez que nossa cultura procria o dar e receber, ou seja: Quem age corretamente é chamado de trouxa.

ACORDA, BRASIL.

S P-13/07/08

As opiniões constantes neste espaço são de minha inteira e total responsabilidade e publicadas pelos blogs:

blogdopaulinho.wordpress.com

pitacosdobodaum.zip.net

Facebook Comments
Advertisements

Um comentário sobre “Coluna do Fiori

  1. Pingback: bois au brésil » Coluna do Fiori

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: