Advertisements

Homenagem ao Policial Civil de São Paulo

 

Parabéns aos bons policiais da Policia Civil de São Paulo.

Aqueles que cumprem sua obrigação diariamente e se arriscam para defender as nossas vidas.

Aos que, mesmo com o medíocre salário, não se corromperam.

Minha homenagem sincera aqueles que chegam em suas residências, depois de uma desgastante jornada de trabalho, e conseguem olhar nos olhos de seus filhos com a certeza do dever cumprido.

A função de vocês é primordial para o desenvolvimento da sociedade.

A responsabilidade é grande.

Vocês são testados, diariamente, por pessoas que fazem parte de um sistema podre, que tentam se utilizar da força policial em benefício próprio.

Não é fácil resistir.

É necessário possuir caráter e ter retidão no procedimento.

Honestidade e desejo de justiça.

Que a vida lhes proporcione em dobro todo o benefício que ocasionam a população.

Tenho orgulho de vocês.

Facebook Comments
Advertisements

25 comentários sobre “Homenagem ao Policial Civil de São Paulo

  1. Douglas

    Sera que dá pra explicar?

    Isso se deve ao fato de voce ter sido entimado para depor sobre alguns assuntos que voce escreve aqui?

    ouvi dizer que voce e o birner tiveram que comparecer a delegacia ontem….

  2. Divanio

    Concordo plenamente com as suas observações, Paulinho!
    A polícia civil e a militar são pessimamente remuneradas.

  3. Carlos Eduardo

    Caro Paulinho:

    Não sei se a Polícia que você se refere é a de São Paulo.

    Se for, você deve estar estremamente enganado.

    É só verificar os inúmeros casos de corrupção na polícia e nos próprios clubes.

    OU você acha que o Ivaney Caires e o Gobbi – Detran- que são dirigentes do corinthians e delegados, não tem nenhuma responsabilidade em tudo que acontece na podridão que você vive expondo????

  4. Eduardo Schiavi

    Me enoja ler esse textinho furado sobre a Polícia Civil.
    Infeliz é o leigo que lê tal texto e não sabe o por quê do mesmo ter sido publicado! Quem vê pensa!

  5. Rodrigo

    Puxa-saquismo para uma data especial ou por algum favorecimento? Profissionais bons tem em todas profissões, se for assim pode dar parabéns também aos lixeiros, médicos, fiscais, guardas de trânsitos…

  6. Eduardo Schiavi

    Parabéns pelo Dia do Entregador de Pizza!

    Por que você não elogia a profissão a qual você sempre pertenceu?

  7. FABIANO ROCCO

    Paulinho, creio que não estou ficando burro ainda!
    O que vc. escreveu acerca da péssima Polícia Civil de SP e outros estados (as “PM´s” também), só pode ser ironia.

  8. euclydes zamperetti fiori

    Brasil,meu Brasil – brasileiro, dos mensalões e trambiqueiros e tds cascateiros, chega de corrupçaõ.
    Acorda, Brasilllllll.

  9. Marcello

    Parabéns a Policia Civil??

    Pelo que?

    A se você parabenizasse os Bombeiros?

  10. Ricardo

    Dê parabéns ao Ubiratan, ao Fleury, ao Romeu Tuma, ao batalhão dos 18, a ROTA…
    Que que é isso Paulinho?
    Em meio a uma das maiores crises institucionais da polícia paulistana, obviamente omitida pela imprensa tucano-serrista, permeada de casos de corrupção, desvio de drogas, chacinas… você me vem com essa!!!!!
    Que que é isso Paulinho?
    Que que é isso Paulinho?!!!!!!!!!!!!!!
    Péssimo dia pra você.

  11. Suzi

    Fez igual ao Vanucci, que você tanto criticou aqui, que come de graça e manda abraços e elogios no programa, por acaso você teve algum favorecimento? Porque senão teve, não tem sentido esse elogio, há não ser que você é tão cego e não vê a quantidade de absurdo que a Polícia Civil faz em SP.
    E aí, você se beneficiou ou mostrou a sua ignorâancia!?

  12. Malokero

    Policiais Civis, parabéns….

    Sei não, será que vc está ficando doido igual o Kajuru, só pode.

    Em vários setores podemos dizer tem os ruins mais na grande maioria são gente de bem, na policia civil é o contrário, tem gente de bem mais a grande maioria não vale o feijão que come.

    Tudo nego safado, e se vc fala sério, tenho certeza que sua opinião irá mudar logo logo.

  13. sten

    Acho que o Paulinho se empolgou depois da ação da Policia Civil na sede da organização criminosa Mancha Verde e resolveu fazer este post. Mas ele viajou um pouquinho.

  14. Tarcisio

    O que acontece em São Paulo é o que ocorre em todo o país! Leiam este texto:

    “ENTENDA PORQUE VOCÊ NÃO TEM SEGURANÇA”

    Como Delegado de Polícia do Rio de Janeiro é meu dever moral e jurídico esclarecer ao povo carioca os motivos pelos quais enfrentamos este caos na Segurança Pública. Em primeiro lugar, fique você sabendo que a nossa legislação permite que qualquer pessoa, independentemente de sua qualificação profissional, assuma o cargo de Secretário de Segurança Pública. Isto significa que as Polícias Militar e Civil estão sob a direção de pessoas que nem sempre têm qualquer conhecimento jurídico e operacional para exercer sua função pública. Isto significa também que o Governador eleito pelo povo indica o Comandante da Polícia Militar e o chefe de Polícia Civil, que podem ser demitidos a qualquer momento. Estes por sua vez, indicam os comandantes de cada Batalhão e os Delegados Titulares de cada Delegacia, que por sua vez, são também afastados de seus cargos por qualquer motivo. Digo, portanto, que a Polícia Civil é absolutamente política e serve aos interesses políticos dos que foram eleitos pelo povo. Quando os afastamentos de Delegados são políticos e não motivados por sua competência jurídica e operacional, o resultado é a total falta de profissionalismo no exercício da função. Este é o primeiro indício de como a nossa Lei trata a Polícia. Se a Polícia é política quem investiga os políticos? Você sabia que o papel da Polícia Militar é exclusivamente o patrulhamento ostensivo das nossas ruas? E por isso é a Polícia que anda fardada e caracterizada e deve mostrar sua presença ostensiva, dando-nos a sensação de segurança. Você sabia que o papel da Polícia Civil é investigar os crimes ocorridos, colhendo todos os elementos de autoria e materialidade e que o destinatário desta investigação é o Promotor de Justiça que, por sua vez, os levará ao Juiz de Direito que os julgará, absolvendo ou condenando? Então, por que nossos governadores compram viaturas caracterizadas para a sua polícia investigativa? Então, por que mandam a Polícia Civil patrulhar as ruas e não investigar crimes? Parece piada de muito mau gosto, mas é a mais pura e cristalina realidade. Você sabia que o Poder Judiciário e o Ministério Público são independentes da Política e a Polícia Civil é absolutamente dependente? Assim, a Polícia Civil é uma das bases que sustenta todo o nosso sistema criminal, juntamente com o Judiciário e o Ministério Público. Se os Delegados de Polícia têm essa tamanha importância, por que são administrativamente subordinados à Secretaria de Segurança e a Governadores que são políticos? Porque ter o comando administrativo da Polícia Civil de alguma forma serve aos seus próprios objetivos políticos, que passam muito longe dos objetivos jurídicos e de Segurança Pública. Assim, quero dizer que o controle da Polícia Civil está na mão da política, isto é, do Poder Executivo. Tais políticos controlam um dos tripés do sistema criminal, o que gera prejuízos tremendos e muita impunidade. Não é preciso ser inteligente para saber que sem independência não se investiga livremente. É por isso que os americanos criaram agências de investigação independentes para fomentar sua investigação criminal. Em segundo lugar, fique você sabendo que os policiais civis e militares ganham um salário famélico. Você arriscaria sua vida por um salário de fome? Que tipo de qualidade e competência têm esses policiais? Se a segurança pública é tão importante, por que não pagamos aos nossos policiais salários dignos, tais quais são os dos Agentes Federais? Se o Governo não tem dinheiro para remunerar bem quem é importante para nós, para que teria dinheiro? Em minha opinião, há três tipos de policiais: os que são absolutamente corrompidos; os que oscilam entre a honestidade e a corrupção e os que são honestos. Estes trabalham em no mínimo três “bicos” ou estudam para sair da polícia de cabeça erguida. De qual dessas categorias você gostou mais? Parece que com esses salários, nossos governantes, há tempos, fomentam a existência das primeira e segunda categorias. É isto o que você quer paraa sua cidade? – Mas é isso que nós temos! É a realidade mais pura e cristalina! O que vejo hoje são procedimentos paliativos de segurança pública destinados à mídia e com fins eleitoreiros, pois são elaborados por políticos. Mas então, o que fazer? – Devemos adotar uma política de segurança a longo prazo. A legislação deve conferir independência funcional e financeira à Polícia Civil com seu chefe eleito por uma lista tríplice como é no Judiciário e no Ministério Público. A Polícia Civil deve ser duramente fiscalizada pelo Ministério Público que deverá também formar uma forte Corregedoria. O salário dos policiais deverá ser imediatamente triplicado e organizado um sério plano de carreira. Digo sempre que se a população soubesse qual a importância do salário para quem exerce a função policial, haveria greve geral para remunerar melhor a polícia. Mas a quem interessa que o policial ali da esquina ganhe muito bem? – Será que ele vai aceitar um “cafezinho” para não me multar ou para soltar meu filho surpreendido com drogas? Será que não é por isso também que não temos segurança? Fiquem todos sabendo que se o policial receber um salário digno não mais haverá escalas de plantão e, conseqüentemente, não haverá espaço físico para que todos trabalhem todo dia, como deve ser. Fiquem sabendo que a “indústria da segurança privada” se tornará pública, como deve ser. Fiquem sabendo também que quem vai ao jornal defendendo legalização de emprego privado para policiais, não deseja segurança pública e sim, segurança para quem pode pagar. Desafio à comunidade social e jurídica a escrever sobre estes temas e procurar uma POLÍTICA DE SEGURANÇA realmente séria e não hipócrita, como é a que estamos assistindo Brasil afora.

    AUTORIZO A PUBLICAÇÃO IRRESTRITA DESTE TEXTO.
    Façam um favor ao Estado do Rio de Janeiro, enviem para todas as pessoas que conhecerem / Dr. TARCÍSIO ANDRÉAS JANSEN – DELEGADO DE POLÍCIA”

  15. Nascimento

    MUDANDO UM POUCO O ASSUNTO,HOJE 16-10-2008 QUERO DEIXAR AQUI MEUS PROTESTOS CONTRA AQUELES QUE SE DIZEM POLÍCIAIS MAS NÃO TEM O ESPÍRITO DE HUMANIDADE(QUERO FALAR AQUI DOS MILITARES DE SP),QUE ATIRAM CONTRA SEUS PRÓPRIOS AMIGOS DE RUA SÃO UM BANDO DE IDIOTAS ,PORQUE ATIRAM CONTRA AQUELES QUE DEFENDEM E LUTAM PARA AUMENTAR TAMBÉM OS SEUS SÁLARIOS E SUA MELHORIA DE VIDA,COMO PODEM SER TÃO BOSSAIS,UM BANDO DE RÔBOS,ENQUANTO ATIRAVAM CONTRA POLÍCIAIS,SEUS COMANDANTES TOMAVAM CAFÉ COM O GOVERNADOR ,OS BABACAS ATIRAVAM EM SEUS PRÓPRIOS PARCEIROS.QUERO DEIXAR AQUI MEU APOIO AOS COLEGAS P.CIVIS E EU COMO GCM SP FIQUEI INDIGUINADO

  16. Renato Deguchi

    Olá Bom dia.

    Numero do Boletim de ocorrência : 595 / 2009

    Gostaria de comunicar que meu patrimônio um carro foi Roubado, (art. 155 a 183), na região de Barueri, nesta quarta feira dia 18-03-09.

    Localidade onde ocorreu o furto: Alameda Itapecuru – Alphaville – Barueri – Sp.

    Modelo: Gol 1.0 placa DVI 7734 – Preto da cidade de São Roque.
    Chassi: 9BWCA05W87T050926

    Contato
    Renato
    fone 11 4716-2271 ou 11 72218119

    Acho que foi levado par Desmanche e comércio de peças de Osasco na avenida João de Andrade.

    Policial Civil favor investigar isso ….

  17. Fabiane Leite

    Fabiane Leite
    MPSP denuncia 25 policiais sob acusação de torturar presos em SP .

    O Ministério Público do Estado de São Paulo denunciou 25 policiais civis sob a acusação de torturar 21 presos na Cadeia Pública 13 de Sorocaba (87 km a oeste de São Paulo) no dia 28 de julho.

    Foram denunciados dois delegados, 14 investigadores, quatro carcereiros e cinco agentes penitenciários.

    Todos os policiais denunciados foram reconhecidos por mais de uma vez por presos como responsáveis pela sessão de tortura. Sessenta policiais tiveram de se apresentar para o reconhecimento.

    Os policiais são os mesmos que trabalham no grupamento aereo da policia civil sp e alegaram, na época da denúncia, que os presos estariam fazendo uma retaliação à revista com as acusações e que os detentos teriam se autolesionado.

    A Polícia Civil, e a Corregedoria de Policia de Sorocaba ao concluir o inquérito sobre o caso, aberto para investigar suposto “abuso de autoridade”, não indiciou ninguém pelas agressões, apesar de exames de corpo de delito feitos a pedido do Ministério Público terem comprovado lesões nos presos.

    A pena prevista para crime de tortura é de 2 a 8 anos de reclusão, mas por causa das repetidas agressões contra os presos os policiais podem ser condenados até a 24 anos de prisão, além da perda do cargo publico informou o promotor José Carlos Blat, um dos que auxiliou a investigação, comandada pelos promotores de Sorocaba Gustavo dos Reis Gazzola, Roberto de Campos Andrade e Thomás Mohyico Yabiku.

    A denúncia será apresentada à Justiça de Sorocaba, que decidirá se vai abrir processo contra os acusados. “Grande loby esta sendo feito por Delegados para o caso não seja apurado.”

    De acordo com Blat, desde 97 poucas pessoas foram processadas por tortura. “Existe uma grande resistência social, ainda mais quando se trata de presos”, afirmou. “A polícia que prende, por falha do Estado, é que cuida dos presos”, disse ainda Blat.

    No dia 28 de julho, a DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Sorocaba promoveu uma revista nas alas “A” e “B” da cadeia de Sorocaba, os policiais acabaram por se exceder nas agressões disse Blat.

    Presos afirmaram que após a descoberta de facas em suas celas foram levados de cuecas para as chamadas celas disciplinares e teriam passado por um corredor polonês caminho entre duas fileiras de pessoas que batem em quem passa.

    Para impedir uma corrida, diminuindo o tempo de agressão, shampoos dos próprios presos teriam sido derramados no chão e provocado escorregões provocando assim quedas e quebra de braços e hematomas nos presos.

    Os presos disseram que foram espancados com paus, fios de eletricidade, cabos de vassoura, socos e pontapés.

    No mesmo dia da suposta tortura, os promotores estiveram na cadeia para ouvir alguns presos. Como os interrogatórios ocorreram na sala do diretor, longe das celas disciplinares, os presos disseram nada ter ouvido.

    Depois das denúncias dos parentes dos detentos, o Ministério Público passou a investigar o caso.

    Os denunciados são:

    José Maria de Moraes Júnior
    Cláudio Luiz de Medeiros
    Aparecido Teixeira da Silva
    Alexandre Augusto do Nascimento
    Alexandre Ribeiro Rodrigues
    Antônio Carlos Muraro
    Antônio Eugênio Bellini
    Arthur Oscar de Souza Neto
    Dorival Bella
    Eduardo de Arruda
    Francisco Carlos Oliveira
    Hilton Carlos Cunha
    João Ribeiro Júnior
    José Antônio Marcondes Piloto
    José Henrique de Oliveira
    Laércio Antônio Alves
    Marcio Campos Vieira
    Marcos Bonilha Bravo
    Ronaldo Andreoli de Campos
    Ronaldo de Almeida Cruz
    Ronaldo Soares de Arruda
    Sérgio Benedito Briene
    Sérgio Matias
    Fernando Augusto de Oliveira
    Laudelino Mercado Júnior

  18. Lopes

    A Secretaria de Segurança do Estado de São Paulo informou que a Corregedoria da Polícia Civil abriu sindicância para apurar a denúncia, mas não deu prazo sobre quanto tempo durarão as investigações. O delegado continua trabalhando normalmente no DP de Guarulhos.
    Outro lado cabe ressaltar que não é a primeira vez em que o advogado Amós tem problemas com policiais, em 2001 Amós entrou com representaçao contra policiais do Denarc afirmando terem extorquido um cliente seu, os policiais Bianca Pires de Albuquerque e Ricardo Escorizza dos Santos, alegaram em suas defesas estarem em outro lugar no dia dos fatos, gravaram as ameaças feitas por Amós e entregaram a superiores, porém passados alguns dias os policiais foram presos e posteriormente demitidos da policia civil de São Paulo, após alguns anos de investigação das quais não foram comprovadas provas de suas participações os policiais foram submetidos a reconhecimento pessoal por parte da pretença vitima, sendo o reconhecimento negativo, a vitima disse não serem os policiais que o extorquiram naquela noite, fatos ocorridos em 2001.
    Em 2003 Amós denunciou 4 policiais do 16 Batalhão da Policia Militar por tentaram extorquir um cliente seu, porém, a investigação não teve continuidade retirando a pretença vitima a queixa que havia feito contra os Pms.
    Amós que foi policial militar da corregedoria da PM por muitos anos conta com muito clientes de uma facção criminosa que atua em presidios de São Paulo.

    Quem é Bianca Pires de Albuquerque
    Conhecemos a Bianca muito antes de sua prisão, uma garota alegre e cativante era policial civil e tinha histórias incríveis para contar, amiga, companheira… enfim uma pessoa boníssima e de ótimo caráter..
    Já há alguns dias estamos vendo postagens em blogs e notícias falando dela e nada mais justo do que contar um pouco sobre ela…
    Ficamos muito próximos, quando ela foi presa, se foi justo ou não… Não nos cabe tecer comentários, isso deixamos para Deus e a Justiça, o fato é que aí realmente fomos conhecer Bianca, ou Bibika como os amigos mais íntimos a chamam e nos surpreendemos com o que vimos;
    Vimos uma mulher que perdeu tudo, trabalho, liberdade, amigos, casa, dinheiro, vida… Ela tinha apenas 25 anos quando foi presa, havia entrado na polícia com 18 anos e tinha promissora carreira, foi uma pena…
    Vimos uma pessoa, um ser humano sendo execrado e linchado em praça pública, mas com tudo isso, embora muitas vezes tenha visto lágrimas no seu rosto, vi um sorriso nos lábios e a confiança em Deus sempre presente em sua vida.
    Vimos sua família se reestruturar para apoiá-la, vimos os amigos sinceros lutando para ajudá-la, vimos que ela nunca, nunca perdeu a esperança…
    Bianca foi condenada a uma pena longa… Onze longos anos, os quais ela já cumpriu cinco, ou mais… Não sabemos direito, mas o fato é que hoje com trinta anos, ela trabalha, está em regime semi aberto, tem amigos e amigos fiéis, sua família espera ansiosa a volta da filha pródiga.
    Hoje dizemos sem medo de errar… Ela nos dá orgulho, pois se errou, pagou e vem pagando até quando e onde for necessário, está resgatando a sua cidadania, fazendo a sua parte, dando sangue suor e lágrimas para reparar o erro cometido (se é que o cometeu…Como disse isso não nos diz respeito).
    E olhando a vida dela e o exemplo que ela nos dá, é um ser humano batalhador, mulher de fibra, falha sim, mas brilhante, trabalhadora e uma ótima amiga.
    Lembramos sempre dela falando com os olhos marejados, que toda dor e injustiça que passou valeu a pena, pois nada paga o olhar de seu velho pai cheio de orgulho cada vez que ia visitá-la na prisão.
    Lembro-me ainda do dia em que ela se apresentou na Corregedoria e o seu pai, amigo e companheiro estava ao seu lado e nos disse chorando: – Ela tem força por mim e por ela e hoje está me dando uma lição de vida… E ela lá… tranqüila, serena e cheia de fé e esperança de que tudo iria dar certo….
    E com esse texto fazemos uma singela homenagem à nossa grande amiga, pois ela nos mostrou que cair e levantar de cabeça erguida e com dignidade, ainda é possível.
    Bianca, você têm amigos fiéis e que te aplaudem de pé, não nos interessa se você está dentro ou fora da polícia, se você esteve presa ou não, amigo como você é artigo raro, é biscoito fino, é um presente!
    Você é a nossa fênix, ressurgiu das cinzas e deu a volta por cima!
    Um abraço no seu coração!
    Alessandro Aruh
    Oswaldo Marques
    Marcelo Tadeu
    Marcelo De Stéfano
    Alexandre Shell

  19. Pereira

    Em primeiro lugar gostaria de dizer que concordo plenamento que os BONS, HONESTOS POLICIAIS deveriam sim ser bem pagos pois esses sim deixam as familias em casa e se arriscam a propria vida para garantir a nossa segura… vivo fora do Brasil a algum tempo sou casada com um Policial e tambem reservista da AIR FORCE USA mais fico muito triste e ao mesmo tempo envergonha em saber que Policiais corruptos espacam pessoas, torturam, alguns ate envolvidos com traficantes e etc pois sempre vemos no jornal… e nada passa acontece com eles pois ninguem faz nada nada para punilos, realmente um absurdo pois quando algum cidadao comemte uma falta por menor que seja e espancado chamado de vagundo, leva tapa na cara e etc… agora cada a JUSTICA desse pais que so funciona para os pobres e cidadao trabalhador??? Aos bons POLICIAIS meus sinceros agradecimentos e aos (…) nao tenho palavras 🙁 Mais e uma vergonha como nosso pais e visto aqui fora AMO O BRASIL mais e muito triste saber que a qualquer hora poder ser assaltado e espancado por um bandido ou por um policial corrupto:(

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: