Advertisements
Blog do Paulinho

‘Mamãe Falhei’, Sérgio Moro e Bolsonaro

O ex-juiz Sérgio Moro, em nota, tentou desvincular-se do deputado “Mamãe Falhei’ após este afirmar, horas antes, entre diversas barbaridades, que mulheres ucranianas eram ‘fáceis’, sexualmente falando, por serem pobres.

“Tenho uma vida pautada pela correção e pelo respeito a todos —tanto no campo público quanto na vida privada. Portanto, jamais comungarei com visões preconceituosas, que podem inclusive ser configuradas como crime”.

“Jamais dividirei meu palanque e apoiarei pessoas quem têm esse tipo de opinião e comportamento. Espero que meu partido se manifeste brevemente diante da gravidade que a situação exige”.

Até então dividiam abraços, elogios e apoios.

O desprezo pela memória humana parece pratica recorrente do presidenciável.

Moro dividiu muito mais do que apenas palanque com o presidente Jair Bolsonaro, que, antes disso, foi capaz das seguintes manifestações:

“Ela não merece (ser estuprada) porque ela é muito ruim, porque ela é muito feia, não faz meu gênero, jamais a estupraria.”

“Como eu estava solteiro naquela época, esse dinheiro de auxílio-moradia eu usava para comer gente. Tá satisfeita agora ou não?”

“Todo mundo ia atrás de galinha no galinheiro na minha cidade. Alguns mais malandros, iam atrás da bezerrinha, da jumentinha. Era comum. Não tinha mulher como tem hoje.”

“Seria incapaz de amar um filho homossexual. Não vou dar uma de hipócrita aqui: prefiro que um filho meu morra num acidente do que apareça com um bigodudo por aí. Para mim ele vai ter morrido mesmo.”

“Ô Preta, eu não vou discutir promiscuidade com quem quer que seja. Eu não corro esse risco porque meus filhos foram muito bem educados e não viveram em ambientes como lamentavelmente é o teu.”

“Os gays não são semideuses. A maioria é fruto do consumo de drogas”

A maioria das falas são anteriores à aceitação por Moro do cargo de Ministro da gestão Bolsonaro, evidenciando que o ‘horror’ do ex-magistrado com o comportamento de ‘Mamãe Falhei’ não passa de abjeto oportunismo.

Facebook Comments
Advertisements

Um comentário sobre “‘Mamãe Falhei’, Sérgio Moro e Bolsonaro

  1. Jose Paulo

    Por que fazer essa associação se Moro não falou oui apoiou essas coisas? Medo dele ganhar do seu ídolo Luladrão? Aliás, cadé a fakeLucia?

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: