Advertisements

Ficção e realidade possíveis numa gestão de Leila Pereira no Palmeiras

Leila Pereira

Em recente postagem no UOL, o jornalista Mauro Cezar Pereira detalhou o que, segundo apurações, deverá ser uma possível gestão Leila Pereira no Palmeiras.

Determinados trechos, com aparência positiva, são bem preocupantes.

Um deles: “o clube não vai virar empresa, mas a provável futura presidente pretende administrá-lo como se fosse uma das companhias que comanda” soa quase como se fosse ameaça.

Trata-se, nitidamente, de manter a agremiação no atraso.

Não adequar o Palmeiras à nova legislação, da ‘Sociedade Anônima do Futebol, que prevê responsabilidades importantes para uma administração profissional é facilitar, por exemplo, casos recentes, como o do ex-presidente do clube que falsificou documento para que associada sem tempo previsto em estatuto conseguisse disputar eleição no Conselho Deliberativo.

Ou, para exemplificar com a Crefisa, empresa de Leila, basta verificar nas diversas instâncias judiciais que não se trata, propriamente, de um sistema de gestão acolhido pela transparência.

Outro trecho: “Salários muito acima da realidade financeira deverão ser combatidos, assim como os conhecidos (nos clubes de futebol do país) “trens da alegria”, com pessoas viajando para os jogos às custas das agremiações”.

Para quem concedeu aval à toda movimentação financeira do clube no futebol em anos recentes – a ponto de ser credora de mais de uma centena de milhões de reais – e organizou, pessoalmente, os passeios em ‘trens’ que agora diz abominar, é bem difícil acreditar na mudança, até porque é justamente esse comportamento que tem viabilizado sua ‘popularidade’ dentro da política palestrina, além, é claro, do folclórico ‘escritório do boleto’.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: