Advertisements

Justiça nega efeito suspensivo ao Corinthians por dívida com Fernando Garcia

Fernando Garcia, Paulo Garcia e Andres Sanches

Na última terça-feira (27), o Corinthians recorreu de decisão judicial que bloqueou contas e demais recebíveis do clube, entre os quais contratos de patrocínios e televisão, para quitação de dívida com o agente Fernando Garcia.

O valor atualizado aproxima-se de R$ 4 milhões.

Existem outros processos de teor semelhante, mas este trata da negociação do atleta Marlone.

Na ação, o clube alega, dissimuladamente, que não deveria pagar a Garcia, mas sim ao Penapolense, embora soubesse, antecipadamente, que um atuava como espécie de ‘laranja’ do outro.

O Blog do Paulinho comprovou, documentalmente, a facilitação do então presidente do Corinthians, Delegado Mario Gobbi, à realização do negócio.

Provas de que o Corinthians participou de fraude para beneficiar Fernando Garcia – Blog do Paulinho

Por razões óbvias, a desembargadora Ana de Lourdes Coutinho Silva da Fonseca, da 13ª Câmara de Direito Privado, negou o efeito suspensivo e o caso será julgado pelo plenário.

Em consequência, Globo, Hypera, FPF, CBF e demais citados, todos devidamente intimados, terão que, imediatamente, depositar o dinheiro devido ao clube na Justiça, que aguardará a decisão final do processo para ser sacado por quem de direito.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: