Advertisements

Presidente do Conselho Fiscal, que aprovou as contas do Corinthians, é advogado e ex-funcionário de Andres Sanches

João de Oliveira e Ademir Benedito

João de Oliveira, presidente do Conselho Fiscal do Corinthians, que aprovou as contas do clube no exercício 2020, é advogado do presidente alvinegro no período, Andres Sanches, de seu irmão, Tadeo Navarro Sanchez e também do braço direito, André Negão, que ocupa a presidência da Comissão de Ética e Disciplina.

Ou seja, depende deles para sobreviver.

Oliveira, durante quatro anos (2014 a 2018), ocupou cargo, também, no Gabinete de Sanches, quando o cartola era Deputado Federal.

É evidente o impedimento.

Apesar disso, o presidente do CORI, Ademir Benedito, um desembargador de justiça, ignorou o fato e deu sequência a uma reunião que mais parecia uma confraria de aprovação.

Vale lembrar que as composições anteriores de CORI e Conselho Fiscal reprovaram as contas de Andres Sanches, no exercício 2019, base de sustentação para os atuais números, que aproximaram o alvinegro de R$ 1 bilhão em dívidas, sem contar as pendências do estádio de Itaquera.


André Negão e João Oliveira

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: