Advertisements

Justiça condena Corinthians a indenizar eleitores que votaram em urnas separadas no Parque São Jorge

A Comissão Eleitoral do Corinthians, nas recentes eleições, estabeleceu prazo para regularização de pendências de associados com o clube, para que estes pudessem estar aptos a votar.

O entendimento, porém, destoava do previsto no Estatuto alvinegro.

Por conta desse equívoco, vários deles somente conseguiram exercer o direito através de liminar.

Os oito votos foram depositados em urnas separadas.

Desde a última semana, porém, a Justiça confirmou, definitivamente, as sentenças, tornado válidas as participações dos eleitores, condenando o Timão a pagar, para cada um deles, R$ 2,5 mil em indenizações, além das custas processuais.

Mas o problema poderá ser ampliado.

A decisão serve de base, também, para os que não entraram na Justiça, num primeiro momento, e se viram impedidos de participar do pleito, buscarem as devidas reparações.

Facebook Comments
Advertisements

Um comentário sobre “Justiça condena Corinthians a indenizar eleitores que votaram em urnas separadas no Parque São Jorge

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: