Presidente da Portuguesa será denunciado ao MP do Trabalho após assediar clientes da Dra. Gislaine Nunes

Denise Boni de Mattos e Antonio Carlos Castanheira

Anteontem (29), em reunião do Conselho Deliberativo da Portuguesa, o presidente Antonio Castanheira revelou que está negociando, por fora, com diversos jogadores credores do clube, para que estes pressionem a advogada Gislaine Nunes, procuradora deles, a aceitar as condições de pagamento impostas pela diretoria.

“Eu não vou negociar com a nossa algoz… não vou!”, chegou a dizer.

Abaixo trecho do áudio com a manifestação de Castanheira:

Disse também que a intermediação está sendo realizada por advogados da Lusa.

Informada do teor desses discursos, Gislaine, incrédula, respondeu:

“Estou denunciando os advogados da Portuguesa junto à OAB e ele (Castanheira) também”

“O que os advogados estão fazendo é antiético… a OAB reprova… eles não podem assediar os nossos clientes”

“Me chamar de algoz? Vou tomar as providências”

“Vou também comunicar o Castanheira ao Ministério Público do Trabalho… que falta de ética… isso não se faz… é um comportamento inadmissível”

O Blog do Paulinho tem provas de que o presidente da Portuguesa assediou, nesse contexto, indevidamente, a pelo menos um cliente da Dra. Gislaine Nunes: o atacante Ricardo Oliveira.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.