Advertisements

Vitória de Giulite Coutinho

Giulite Coutinho foi presidente da CBF entre 1980 e 1986, período em que a Seleção Brasileira de Sócrates, Zico e demais craques encantou o planeta.

Uma ilha (em todos os sentidos) entre Havelange e os bandidos que o sucederam, o cartola é o único não citado em casos de corrupção nos bastidores do futebol.

Nos anos 90, o América/RJ vendeu o terreno de seu estádio para os grupos Icatu e Iguatemi, mas não recebeu o que foi combinado no negócio.

Ou seja, parte do pagamento em dinheiro e também participação nos lucros do Shopping Boulevard, construído no local.

Para ajudar o clube, Coutinho comprou o crédito sub judice, mas morreu, em 2009, sem que a ação fosse, definitivamente, julgada.

Na última semana, o TJ/RJ intimou os devedores a pagarem R$ 75 milhões à família do ex-presidente da CBF e do América.

A informação é de Lauro Jardim, em sua coluna de ‘O Globo’.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: