Advertisements

A liberdade de José Maria Marin

A Justiça dos EUA deu por encerrada a pena de José Maria Marin, após cumprimento de 80% do castigo, evitando que, aos 86 anos de idade, o ex-cartola pudesse ser acometido pelo coronavírus.

Trata-se de uma decisão absolutamente acertada.

Na prisão, basta um sentenciado contrair a doença para que todos os outros tornem-se vítimas sem possibilidade alguma de defesa.

Não há espaço para isolamento e muito menos condições adequadas de tratamento.

Marin não foi condenado a morte e deixá-lo encarcerado seria exagero claro de punição, além de ato absoluto de desumanidade.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: