Advertisements

Os clubes e o dinheiro das apostas esportivas

Ontem (02), o colunista Lauro Jardim, de O Globo, revelou que oito clubes brasileiros estariam, às sombras, trabalhando pela criação de uma Liga, que seria independente da CBF.

Seriam eles: Corinthians, Bragantino, Atlético/MG, Botafogo, Sport, Ceará e Fortaleza.

Flamengo, Palmeiras e Vasco estariam contrários à ideia.

No Brasil, existe uma Liga Independente, a Liga de Futebol Nacional do Brasil, presidida pela advogada Gislaine Nunes, que poderia, até pela facilidade burocrática, desde já ser utilizada pelas agremiações.

Porém, pelo que soubemos, os interesses dos clubes não tem nada a ver com esportividade.

A razão da movimentação seria a de criar uma espécie de central de recebimento dos repasses de sites de apostas esportivas (2% sobre o lucro) que, em breve, entrarão em vigor no Brasil, chutando a CBF da partilha.

Fora isso, poucos teriam coragem de peitar a Casa Bandida, que detém o monopólio, somente afrontado pela LNFB, dos principais torneios nacionais.

Advertisements

Facebook Comments

1 comentário em “Os clubes e o dinheiro das apostas esportivas”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: