Advertisements

Santos aproveita-se da morte de associado para apropriar-se de cadeira cativa

Desde 2016, o Santos Futebol Clube foi alertado, diante da morte de um dos donos de cadeira cativa do estádio de Vila Belmiro, da existência de um inventário pacificando a questão.

O clube deveria repassar a propriedade dos bens aos herdeiros pré-determinados.

Em vez de fazê-lo, o Peixe incorporou a cadeira 37-S a seu patrimônio, passando, posteriormente, a comercializá-la.

Diante do fato, a Justiça intimou o clube a esclarecer a questão, sob pena de desobediência.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: