Advertisements

Neymar e os R$ 50 mil mensais aos ‘parças’

Diante de toda a miséria humana que cerca a vida milionária de Neymar, a informação, revelada por publicação européia, de que o atleta paga R$ 50 mil mensais para manter amigos junto de si, é, antes de tudo, demarcadora de profunda tristeza.

Que os tais ‘parças’ eram espertalhões, sabia-se, há tempos.

Mas ainda é pouco aprofundado o sentimento de, talvez rejeição, ou solidão, que obriga um dos mais famosos seres humanos do planeta a pagar para ter companhia.

Não só de amigos, como comprovou, recentemente, a acusação de estupro da qual foi inocentado.

Desde garoto assediado por abutres do esporte e utilizado pelo pai como meio de subsistência, Neymar, aparentemente, tem entre seus raros momentos de liberdade os 90 minutos em que permanece dentro de campo.

Fora dele, o ser-humano parece deixado de lado pela necessidade de ser um produto que sustente a alegria de muitos, mesmo que, eventualmente, à custa da sua.

Não à toa Neymar evolui com mais lentidão e acaba por sofrer as consequências de uma vida de escolhas equivocadas, sugestionadas por mentores pouco comprometidos com sua amizade ou, no caso do pai, de ligações, verdadeiramente, desinteressadas.

Advertisements

Facebook Comments

1 comentário em “Neymar e os R$ 50 mil mensais aos ‘parças’”

  1. Na vida do Neymar faltou, infelizmente, uma figura paterna decente. Para todos os efeitos, Neymar é órfão, sendo que o pai dele logo cedo abandonou o filho para adotar outro, chamado “dinheiro”.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: