Advertisements

Departamento de futebol profissional e da base do Corinthians unem-se na incompetência

Ontem, o departamento de futebol do Corinthians, e também o das categorias de base, gestores em conjunto do afamado ‘Time B’, que deveria ser sub-23 e dar espaço às jovens promessas da casa, mas vem se utilizando de veteranos e contratando dezenas de jogadores, superou-se na incompetência.

Foram marcadas duas partidas para a mesma data: um amistoso, em Pernambuco, com o Central de Caruaru, além de compromisso com o Taubaté, em casa, pela Copa Paulista.

No Nordeste, existiu o agravante do jogo ter sido divulgado – com alguns ingresso cobrados a R$ 100 – como se fosse disputado pela equipe principal do Timão.

Além da vigarice, o vexame esportivo foi total.

Sem ter jogadores suficientes para compor o elenco, até ex-jogadores veteranos foram escalados.

Zenon, com 65 anos, e Viola, aos 50, também jogaram.

O resultado: derrota por dois a zero diante de um Central que acaba de ser rebaixado da 4ª Divisão do Brasileirão.

No outro flanco, o ‘time B’ do Corinthians, que deveria jogar em casa contra o Taubaté, mandou a partida em Osasco.

A razão: o estádio Alfredo Schurig, a histórica ‘Fazendinha’, está interditada por falta de condições mínimas de segurança.

O jogo, de nível técnico sofrível, ao menos terminou com vitória alvinegra, por um a zero, gol marcado por Dias (que ninguém sabe de quem se trata), aos 47 da etapa final.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: