Advertisements
Anúncios

Brasil joga pela honra, enquanto Alemanha apenas treina

O treinador Tite foi inteligente ao antecipar um encontro entre Brasil e Alemanha para meses antes da Copa do Mundo de 2018, evitando que o embate, marcado pelo humilhante 7 a 1 de 2014, ocorresse apenas em meio ao torneio.

A intenção é a de que a carga emocional diminua, principalmente se o time brasileiro fizer um jogo de igual para igual com o adversário.

Eis ai a possibilidade, talvez prevista, mas não desejada, de “casca de banana”.

Por razões evidentes, enquanto o Brasil entrará em campo querendo vencer, pela honra, os alemães pensam apenas em treinar, até para, se for o caso, minimizar possível tropeço.

Nem mesmo um 30 a 0 da Seleção Brasileira seria suficiente para apagar os sete a um, que somente poderiam ser combatidos com placar semelhante, dentro duma Copa do Mundo.

Ou seja, quase impossível.

O que Tite precisa evitar é uma derrota brasileira com o adversário demonstrando-se muito superior, que serviria apenas para ampliar o medo diante do que poderia vir a ocorrer em disputa por pontuação oficial.

Este amistoso, tomara empolgante para quem puder assisti-lo, é absolutamente perigoso para o Brasil, enquanto não tem poder de gerar desconforto algum aos alemães.

Em tempo: Os alemães prometem escalar equipe reserva, deixando o Brasil com o pires na mão.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: