Anúncios

Goulart na Presidência do Conselho do Corinthians evidencia submissão de Andres Sanches a Paulo Garcia

Thales Cezar de Oliveira e Antonio Goulart

Sem que houvesse surpresa, o Conselho Deliberativo do Corinthians, por conta de manobra do empresário Paulo Garcia, dono da Kalunga, elegeu o deputado federal Antonio Goulart para a presidência do órgão.

Foram 175 votos contra 102 de Thales Cezar de Oliveira, além de quatro nulos e um em branco.

Os conselheiros preferiram um político, condenado por improbidade administrativa, pelo TJ-SP, e desvio de recursos, no TCE-SP, à um Promotor de Justiça.

A vice-presidência, quase figurativa, será do desconstrangido desembargador Ademir Benedito.

Evidenciou-se com o resultado que Andres Sanches, já humilhado por ser obrigado a engolir Goulart e indicar somente o vice e um dos secretários, não terá vida fácil na gestão.

Nos próximos três anos, todo e qualquer ato importante no Parque São Jorge terá que ser negociado com Paulo Garcia, que parece ter aprendido meios de comandar o Corinthians (foi assim na gestão Roberto de Andrade) sem a necessidade de vencer eleições presidenciais.

É o preço, caro, de uma submissão necessária para que Andres Sanches consiga viabilizar o financiamento da Kalunga à sua campanha de reeleição ao parlamento, em desesperada busca pela liberdade (não perder o foro privilegiado e ser julgado por Sergio Moro).

Vale lembrar que apesar do discurso de Paulo Garcia, em período eleitoral, de que o irmão Fernando, agente de jogadores, não mais faria negócios no Corinthians se ele fosse presidente, a promessa inexiste para a prática de seu poder na “informalidade”.

Fernando Garcia pintou e bordou quando Flavio Adauto, um dos homens de confiança do empresário, era diretor de futebol do Timão na gestão anterior e deverá manter a presença nos negócios na nova composição da diretoria.

Antonio Goulart, em seu discurso de posse, fez questão de impor nova humilhação a Andres Sanches, agradecendo a Damião Garcia (pai de Paulo Garcia), a Flavio La Selva – fundador dos Gaviões da Fiel (a quem o parlamentar é ligado), sem nenhuma menção ao presidente do Corinthians ou qualquer de seus apoiadores.

Confira abaixo vídeo da proclamação do resultado com discurso de Goulart ao final:

Anúncios

Uma resposta to “Goulart na Presidência do Conselho do Corinthians evidencia submissão de Andres Sanches a Paulo Garcia”

  1. Jose Carlos (@ze_ca77) Says:

    tava na cara que o outro patrao do edu gago da fiel ia levar essa de barbada. até pensava que a lavada ia ser maior. agora o clube tem dois deputados federais nos principais cargo do clube. maravilha isso hein ???? a sede corintiana sai da rua sao jorge e passa a ser brasilia. paulo da kalunga, espanhol mafioso da vila dos remedio, gular gaviao, todos unidos pra passar um belo pano nas negociatas e nos rolos do espanhol e da sua renovacao e transparencia. outra coisa,conversando com um amigo ele me disse que o cargo de vice nao é nada decorativo pelo contrario o vice do gular gaviao é presidente da comissao de sindicancia. ja viu no que vai dar isso

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: