Advertisements
Anúncios

Promiscuidade ? Corinthians sediou Campeonato Brasileiro de árbitros de futebol

Andres Sanches e Douglas D’Andrea com árbitros

No último final de semana, o Corinthians cedeu a Fazendinha, histórico campo localizado no Parque São Jorge, sede do clube, para a disputa do Campeonato Brasileiro de árbitros de futebol.

Participaram juízes de sete Estados, pré-classificados em seletivas regionais, além de representantes do DF (último campeão) e de São Paulo (sede).

Todos os clubes da capital foram procurados para patrocinar o evento, porém somente Corinthians e Portuguesa aceitaram.

A desculpa para não realizar os jogos em áreas públicas, como, em exemplo, o Pacaembu, era a de que não havia datas disponíveis há mais de 60 dias, embora, por razões óbvias, o calendário do torneio tenha sido formulado antes deste período.

Ontem, no gramado da Fazendinha, confabulavam, em absoluta promiscuidade, o deputado federal Andres Sanches, o vice alvinegro, André Negão, o organizador do torneio, Douglas D’Ándrea e os árbitros que, em algum momento, poderão ser escalados para apitar jogos do Corinthians em 2018.

É o tipo do negócio em que o Timão só tem a perder.

Além de ampliar, diante da opinião pública, as insinuações de favorecimentos nos bastidores, os dirigentes alvinegros podem, em efeito reverso, fazer com que os juízes, no intuíto de demonstrar imparcialidade, acabem por meter os pés pelas mãos contra o clube.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: