PMs do Rio esculacham policiais que posaram em selfies com traficante Rogério 157

Em bate-boca intenso num grupo de whatsapp, PMs do Rio de Janeiro detonaram policiais civis que posaram para selfies com o traficante Rogério 157.

Ofensas diversas foram proferidas.

Uma das policiais, absurdamente, chegou a comparar prender o traficante e não registar com ir ao Vaticano e não bater foto com o Papa.

Revoltados, os PMs relembram que “157” foi responsável pela morte de diversos policiais nas favelas cariocas.

Disseram ainda, em grave denúncia, que a prisão foi “armada”, em troca de dinheiro, com o advogado do traficante, com anuência do próprio, que estaria com a vida ameaçada por facções rivais, razão pela qual os agentes conseguiram capturá-lo sem nenhuma resistência.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.