Advertisements
Anúncios

Flagrante de cambistas revendendo ingressos destinados a dirigentes do Corinthians

Viola, cambista

A decisiva partida entre Corinthians e Palmeiras ampliou, ainda mais, a sanha por dinheiro desviado do clube, em esquema de cambismo fomentado por dirigentes alvinegros.

O Blog do Paulinho teve acesso a diversos casos no dia de ontem, protagonizados por dois marginais, cada qual trabalhando, segundo informações, para meliantes distintos, desde vice-presidente alvinegro até postulantes ao Conselho Deliberativo, ligados ao grupo que uniu a família Monteiro Alves com ex-Fora Dualib.

Um torcedor, que terá identidade preservada, adquiriu os ingressos abaixo, em nome de “Encontro de Negócios”, para setor Oeste Inferior, Portão D, Bloco 408, fileira AA, cadeiras 24 e 25, a custo de R$ 300 cada (nas entradas o valor marcado é de R$ 25 – apenas para efeito contábil), ambos impressos no PDV 0015, da operadora Lídia, no dia 31 de outubro, do cambista que se apresenta como “Viola”, encontrado, diariamente, delinquindo na porta do Corinthians:

“Ele tinha, na mão, uns 80 ingressos… disse que consegue quantos forem necessários, para qualquer jogo… disse que tem “esquema” com gente do clube”


Após conversarmos com o torcedor alvinegro, entramos em contato com o cambista “Viola”, pelo telefone (11) 99875-7059, que está registrado em nome de Cecília Lucia da Silva Siqueira, de 39 anos.

Por telefone, finalizamos, com enorme tranquilidade, a compra de cinco ingressos do setor VIP (entrada, comes e bebes inclusos), a R$ 700 cada, com direito a receber em casa, via motoboy, além de instruções de como entrar no estádio.

O cambista disse ainda possuir outros setores e, questionado “quantos ingressos conseguiria”, respondeu: “não é quantos ingressos eu tenho, é quantos você precisa”, o que dá a dimensão da profundidade do esquema.

Este setor VIP, que o Blog do Paulinho apalavrou, mas, evidentemente, não levou, foi arrendado pelo grupo “Ex-Fora Dualib”, agora “Preto no Branco” (após união com os “Monteiro Alves”), sendo tocado por “funcionários” de Eduardo “Gaguinho” Ferreira, ex-diretor de futebol, obedecedor de ordens do deputado federal Andres Sanches (PT).

Ouça abaixo trecho da negociação com o cambista “VIOLA”:

Existem outros cambistas que circulam e negociam entradas de dirigentes alvinegros à porta do Parque São Jorge, sem constrangimento, muito menos oposição, seja de dirigentes alvinegros ou até mesmo da polícia, que parece não enxergá-los.

Sócio alvinegro, também sob anonimato, revelou:

“Quem é associado não consegue comprar ingressos, que são repassados para estes vagabundos, vendedores da diretoria…”

“O André Negão (vice-presidente) tem um monte deles trabalhando por aqui”

Segundo informação do associado, um deles seria o cambista “Robertinho”, que revende as entradas também à domicílio, pelo fone: (11) 98305-6929.

Fotografia no numero de whatsapp atribuído por testemunha a Robertinho, acusado como cambista

O dinheiro, desviado do borderô de jogos do Corinthians, preenche os bolsos de intermediários e dirigentes alvinegros, mas desfalca, criminosamente, a possibilidade do clube utilizá-lo para amortizar dívida do estádio, além doutras despesas oriundas das manutenções, caríssimas, da Arena.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: